SIGA ➨Fábio Júnior Venceslau

SIGA ➨Fábio Júnior Venceslau
✍ O objetivo deste é oferecer ao público leitor: informação com veracidade, interpretação competente e pluralidade de opiniões sobre os fatos. Tratando-se de um canal interativo visando promover uma comunicação capaz de contribuir positivamente na vida dos seus seguidores, primando pela imparcialidade e coerência. ☛ Blog Informativo: Estado do Rio Grande do Norte - Brasil

Esse é o seu Blog

Esse é o seu Blog
Todo Dia tem Notícias

Seja mais um dos nossos seguidores do Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

Blog Siga Fábio Júnior Venceslau
Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

COBERTURAS E EVENTOS

CONFIRA AS PROMOÇÕES DO MERCADINHO SÃO JOSÉ EM ANTÔNIO MARTINS RN

CONFIRA AS PROMOÇÕES DO MERCADINHO SÃO JOSÉ EM ANTÔNIO MARTINS RN
CONFIRA AS PROMOÇÕES DO MERCADINHO SÃO JOSÉ EM ANTÔNIO MARTINS RN

ANTÔNIO MARTINS RN BLOG SIGA FÁBIO JÚNIOR VENCESLAU

ANTÔNIO MARTINS RN BLOG SIGA FÁBIO JÚNIOR VENCESLAU
Ouça a Nossa Rádio Venceslau AM

Ouça a Web Rádio Venceslau A M

Ouça a Web Rádio Venceslau A M
Rádio Venceslau Am Para Ouvir Clique no FlowPlayer

PARA OUVIR A Rádio Venceslau Clique no flowplayer

Ouça a Rádio Venceslau Baixe aqui o Aplicativo para seu celular click na imagem abaixo

Ouça a Rádio Venceslau Baixe aqui o Aplicativo para seu celular click na imagem abaixo
Retransmissão Via/Web 24 Horas no AR - Ouça a Rádio Venceslau agora pelo seu celular- Click em cima desta foto e instale o APP é super fácil e rápido.

FAÇA A SUA PARTE

FAÇA A SUA PARTE
ANUNCIE AQUI NO NOSSO BLOG E VEJA A DIFERENÇA

CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN

CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN
CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN

SEJA TAMBÉM NOSSO ANUNCIANTE

SEJA TAMBÉM NOSSO ANUNCIANTE
BLOG TODO MUNDO OLHA, TODO DIA TODO MUNDO VER.

E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com

E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com
E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com

Clique na Imagem e visite o Site

Clique na Imagem e visite o Site
Clique na Imagem e visite o Site

.

.
.

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Blog Siga Fábio Júnior Venceslau


Aposentadoria por idade será reconhecida automaticamente pelo INSS
O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) determinou, por meio de portaria, o reconhecimento automático da aposentadoria por idade a partir da verificação das informações constantes nos sistemas da autarquia e nas bases de dados do governo federal. A medida, em vigor desde o fim de julho, estabelece que o segurado não precisa mais comparecer a um posto de atendimento para solicitar esse tipo de aposentadoria.
O INSS vai fazer uma pesquisa mensal para identificar os segurados que já têm o direito disponível e enviará comunicado sobre a concessão do benefício. O segurado também poderá requerer a concessão do benefício por meio do canal 135. Para a realização do pedido será solicitada a confirmação dos dados pessoais, como ocorre no sistema tradicional.
De acordo com a portaria, o INSS enviará comunicado indicando as informações sobre os dados da concessão e pagamento do benefício ao cidadão assim que houver o reconhecimento do direito.





Conselheiro do TCE-RN tem carro roubado na Zona Sul
O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN), Carlos Thompson foi mais uma vítima da violência em Natal. Na tarde desta quinta-feira, 10, por volta das 14h, Thompson teve o carro roubado em Capim Macio e ficou juntamente com seus filhos sob a mira dos assaltantes armados.
Segundo a Policia Civil, Thompson havia ido buscar os filhos e foi trancado por outro veículo modelo Ecosport, de onde desceram dois bandidos armados que renderam a família e tomaram o veículo.
O caso foi registrado na Deprov que está em diligências. O veículo foi localizado no fim da tarde e os bandidos fugiram.








PM recaptura foragido do CDP de Pau dos Ferros na cidade de Luis Gomes
O foragido da Justiça Sinésio Coelho, conhecido como “Jogador”, foi recapturado na manhã de terça-feira (08), pelos sargentos Prisco, Batista, cabo C. Bezerra e soldado Sávio, todos sob o comando do sargento Bernairton. “Jogador” é o principal suspeito de ter articulado a fuga do CDP de Pau dos Ferros, ocorrida na madrugada do dia 03 do corrente mês e ano.
A prisão ocorreu após o sargento Bernairton comandante do Pelotão de Polícia tomar conhecido de pessoas estranhas em uma residência localizada no Conjunto Sol Nascente, na terra de Nossa Senhora Santana. O preso foi apresentado a 4ª DRPC e entregue ao sistema penitenciário.
O comandante do policiamento agradeceu a colaboração da população e ressaltou o empenho e dedicação dos seus comandados no cumprimento da árdua missão, em especial aos policiais C. Bezerra e Sávio, que sacrificaram sua folga para retirar de circulação mais um fora da Lei. *Nosso Paraná.








Comissão da Câmara aprova ‘distritão’ e R$ 3,6 bi para pagar eleições dos candidatos
A comissão da Câmara que analisa a reforma política aprovou no final da noite desta quarta-feira (9) por 25 votos a 8 o texto-base do relatório que cria mais um fundo público de financiamento das campanhas, de R$ 3,6 bilhões, além da extinção dos cargos de vice no país.
A comissão vai votar nesta quinta (10) emendas ao texto do relator, Vicente Cândido (PT-SP), o que pode alterar todos os pontos.
Na primeira emenda votada, ainda na madrugada desta quinta, os deputados aprovaram por 17 votos a 15 a instituição do chamado “distritão” nas eleições de 2018 e 2020, no lugar do modelo eleitoral atual, o “proporcional”.
O resultado apertado, porém, indica grande dificuldade para aprovação no plenário, apesar do apoio da cúpula do Congresso e da direção dos principais partidos governistas ao tema. Por se tratar de emenda à Constituição é preciso o voto de pelo menos 308 dos 513 deputados.
Para entrar em vigor nas próximas eleições, a reforma tem que passar até setembro por votações nos plenários da Câmara e do Senado.
A bancada do PSDB acabou sendo a surpresa. Apesar de o partido ter decidido aprovar o distritão, apenas Marcus Pestana (MG) votou a favor da medida. Os outros dois tucanos na comissão se abstiveram. “Isso é palhaçada, molecagem, houve reunião da bancada”, saiu reclamando de seu próprio partido Pestana.
A criação do fundo é uma resposta dos deputados à proibição do financiamento empresarial pelo Supremo Tribunal Federal, em 2015. Já a extinção dos vices tem como argumento a economia de gastos. Em caso de vacância dos titulares, assumiriam os chefes do Legislativo.
Esvaziada, a reforma política deve se concentrar em poucos pontos: os principais são o novo fundo, a possível mudança do modelo e regras para reduzir o número de partidos com baixo desempenho nas eleições.
VOTO INÚTIL
No atual modelo eleitoral, o proporcional, as cadeiras da Câmara dos Deputados, das Assembleias e das câmaras municipais são distribuídas com base em um cálculo (quociente eleitoral) que leva em conta o total de votos dados aos candidatos e aos partidos (voto na legenda).
Isso leva em alguns casos à eleição de um político individualmente menos votado do que outro que componha uma legenda ou coligação mais robusta.
Já no distritão são eleitos os mais votados. Não há voto em legenda. Isso evita o “efeito Tiririca”, que ocorre quando deputados super-votados acabam elegendo colegas de partido ou coligação com poucos votos.
O “distritão” tem, porém, pelo menos quatro características bastante polêmicas.
A primeira é tornar sem efeito a maioria dos votos dados pelos eleitores.O montante de “desperdício” não tem relação com os votos nulos, brancos ou com a abstenção. Trata-se dos votos dados aos candidatos não eleitos, somados aos direcionados em excesso para os mais bem votados.
No sistema proporcional, a votação nos não eleitos e o excedente dos eleitos contribuem para que outros candidatos do mesmo partido ou coligação consigam uma vaga.
As demais características são a concentração de recursos na mão de poucos candidatos (no sistema proporcional o número de candidatos é maior), a dificuldade de renovação e o enfraquecimento das identidades partidárias.
Patrocinado pelo então presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), hoje preso, o “distritão” foi rejeitado pela Câmara em 2015. Mas agora ganhou apoio em outras legendas governistas, entre elas o PSDB, E dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE).
TRIBUNAIS
O relatório de Cândido estabelece ainda mandato de dez anos para ministros de tribunais superiores, que hoje podem ficar até completarem 75 anos de idade. Mas há emenda para derrubar essa medida.
O petista também altera a data de posse no Executivo e Legislativo (o presidente da República passaria a tomar posse em 7 de janeiro, não mais no primeiro dia do ano).
Há também o fim do suplente de senador indicado pelo próprio parlamentar. O substituto, nesse caso, seria o deputado mais votado no Estado.
Pelo relatório, só haverá eleição indireta no caso de vacância do cargo de presidente se isso ocorrer no último ano do mandato. Atualmente isso ocorre nos dois últimos anos do mandato.




Lula ajudou a isentar Aécio Neves no caso Furnas
No inquérito do caso Furnas, o senador Aécio Neves (PSDB/MG) contou com um aliado inesperado, o ex-presidente Lula, seu rival político desde sempre.
Em depoimento à Polícia Federal, Lula declarou que ‘Aécio Neves não pediu nenhum cargo em nenhum de seus mandatos (2003/2010)’.
O ex-presidente depôs no dia 28 de junho. Suas informações tiveram peso importante na conclusão do delegado federal Alex Levi, que inocentou o tucano no inquérito Furnas.
Lula disse. “Que n?o acredita que Aécio Neves possa ter pedido qualquer cargo a algum de seus ministros em seus governos, e se pediram nunca deram ciência ao declarante sobre este pleito.”
O inquérito Furnas tinha como ponto de partida os depoimentos de três delatores, o doleiro Alberto Youssef, o ex-senador Delcídio Amaral (ex-PT/MS) e o lobista Fernando Moura. Davam conta de que o elo de supostas propinas para Aécio em Furnas seria um antigo amigo do tucano, Dimas Fabiano Toledo. Mas todos os delatores foram ‘vagos’, segundo a PF, disseram que ‘ouviram dizer’.









Em reunião no Planalto, Temer articula votações no Congresso Nacional
Passado o furacão da votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, arquivada pela Câmara na última quarta-feira, o governo tenta agora retomar a normalidade e quer dar andamento à agenda econômica no Congresso. Na primeira reunião após a votação da Câmara, Temer juntou na tarde de domingo o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), para traçar um cronograma de projetos. Nos planos do Palácio do Planalto, o primeiro passo é aprovar a Medida Provisória (MP) do Refis, que cria um parcelamento de dívidas para empresas e pessoas físicas e precisa apenas de maioria simples para ser aprovada. A MP tem de ser votada até o dia 30 de setembro e pode servir como uma forma de reorganizar a base governista.
Depois de amanhã, Maia, Eunício e Meirelles voltam a se encontrar para tentar chegar a um meio-termo, um texto que não seja tão benéfico para os empresários como queria o relator da matéria, deputado Newton Cardoso Jr (PMDB-MG). O deputado desfigurou a MP do governo e ampliou os benefícios, incluindo descontos de até 99% em multas e juros. A equipe econômica já mandou diversos recados de que não vai aceitar os novos termos e que vai trabalhar para reverter as mudanças. Em última análise, será recomendado o veto ao presidente Michel Temer.
O formato desenhado pelo relator diminuirá em muito a arrecadação do governo com o Refis. Para 2017, a previsão de R$ 13 bilhões cairia para R$ 500 milhões. Entre 2018 e 2020, a Receita calcula que o impacto seria negativo. Isso porque os contribuintes deixarão outros parcelamentos atualmente em vigor para migrar ao novo formato, com mais benefícios. A estimativa é que a Receita perca R$ 7 bilhões em 2018, R$ 8 bilhões em 2019 e R$ 13 bilhões em 2020.
A reunião de ontem serviu para o governo demonstrar uma imagem de volta à normalidade, mesmo diante do risco de uma nova denúncia da Procuradoria-Geral da República ser feita contra o presidente Michel Temer. Como num gesto programado, Temer levou o encontro para o Palácio do Planalto, ao contrário do que costuma fazer nos fins de semana com reuniões em sua residência oficial, o Palácio do Jaburu. E a assessoria do Planalto ainda abriu as portas do gabinete presidencial para que fossem registradas imagens pela imprensa, além de ter divulgado o encontro em seus canais oficias na internet.
— O encontro de hoje (ontem) caracteriza muito o entrosamento entre o Executivo e o Congresso. Agora vamos poder sincronizar melhor os avanços que o Brasil precisa — disse o ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, que também participou da reunião.
MAIA: VOTAÇÃO DA PREVIDÊNCIA EM SETEMBRO
O governo deve deixar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência, que precisa dos votos de 308 dos 513 deputados, para um segundo momento, provavelmente em setembro. Os deputados entendem que o governo só conseguirá avançar agora em temas que sejam de interesse dos parlamentares. Matérias que exijam quorum qualificado, como as PECs, dependem de uma organização mais estruturada da base parlamentar do governo.
— O ideal é iniciar com matérias mais simples, que exijam menos quorum, para que você possa avaliar a base e poder buscar um grupo cada vez mais coeso nesse sentido. É hora de ter humildade e reconhecer que a base que saiu da votação não nos permite votar matérias de quorum qualificado. É um trabalho de conquista. O governo tem que ter consciência da base que ele tem no momento para conseguir alcançar o que ele deseja. Um passo de cada vez. Não é hora de dar um salto — avalia o líder do DEM, deputado Efraim Filho (PB).
Rodrigo Maia, no entanto, saiu da reunião com Temer dizendo acreditar que, já no mês que vem, será possível votar a reforma da Previdência. Em entrevista ao GLOBO publicada no último domingo, ele antevia que, antes de outubro, seria difícil retomar essa discussão. O texto enviado pelo governo já foi aprovado pela comissão especial da Câmara e está pronto para ser levado ao plenário. Mas toda a negociação do Executivo com a base havia sido feita antes do escândalo das gravações do empresário Joesley Batista, da JBS, serem divulgadas. A conversa com o presidente Michel Temer resultou na denúncia por corrupção passiva arquivada pela Câmara na última quarta-feira.
— Vou começar a fazer reuniões com economistas a partir do dia 15 de agosto para tratar de Previdência — disse Rodrigo Maia ao GLOBO, após a reunião.
O presidente da Câmara ainda insiste em manter o texto aprovado na comissão, mas que enfrenta resistências entre os aliados. O presidente Michel Temer já afirmou à imprensa que a reforma da Previdência deve ser uma “atualização” limitada à fixação de uma idade mínima e à redução dos privilégios que os servidores públicos têm com relação às demais categorias.
— O Rodrigo (Maia) e o presidente estão na mesma linha. O presidente fala em idade mínima e fim dos privilégios, são dois pilares importantes e são pontos convergentes com o que pensa o presidente da Câmara — afirmou o ministro Antonio Imbassahy.
Além de uma pauta econômica específica, que passa pelo Refis e por mudanças na legislação tributária, o Congresso pretende votar a reforma política. A comissão especial tem reunião marcada para esta semana. Com as eleições se aproximando, os parlamentares estão preocupados em definir regras claras para o financiamento das campanhas.
A proposta que tramita na Câmara cria um fundo eleitoral de cerca de R$ 3 bilhões, acaba com as coligações e cria a cláusula de barreira, limitando o funcionamento congressual aos partidos que conquistarem, no mínimo, 1,5% dos votos nacionais. Também estão na pauta mudanças no sistema eleitoral. A que tem maior apoio é o chamado distritão. Segundo esse sistema, os deputados mais votados em cada estado são eleitos, independentemente da coligação de seu partido. Nas regras atuais, muitas vezes o eleitor vota em um candidato e elege outro, devido às alianças do partido.



Em nota, Prefeitura de Pau dos Ferros confirma três casos de Calazar em humanos
A Prefeitura de Pau dos Ferros alerta toda população para o combate a leishmaniose. A doença é causada pelo protozoário Leishmania Infantum, e é transmitida pela picada do mosquito-palha. Atinge especialmente cães e seres humanos também podem ser infectados.
Se não for tratada cedo nos humanos, a doença pode atingir um índice de morte de até 95%. É preciso ficar alerta aos sintomas da doença: febre, fraqueza, perda de apetite, diarreia, emagrecimento e palidez.
A equipe da Secretaria Municipal de Saúde (SESAU) já detectou 03 casos em humanos em nossa cidade e está realizando todos os procedimentos cabíveis para tratar os pacientes.
Estão sendo realizados inquéritos caninos censitários e amostrais nos bairros do município, assim como o controle vetorial. As ações são direcionadas de acordo com a realidade epidemiológica existente, com realização de ações programadas visando atingir principalmente áreas de maior ocorrência de casos humanos e caninos.
Como forma de controle, através de uma ação imediata, a equipe de combate a endemias está realizando testes rápidos – feito por meio de uma fita contendo reagentes – nos animais e outros procedimentos laboratoriais.
A gestão municipal esclarece que já encaminhou à VI Unidade Regional de Saúde Pública (URSAP) as informações referentes aos casos confirmados, além de solicitar ao Governo do Estado que disponibilize inseticida e maquinário próprio para dispersão do mesmo.
É de obrigação do Governo Estadual o fornecimento de kits de testes rápidos como forma de auxiliar na identificação dos animais contaminados, porém, segundo a equipe municipal de controle de endemias, os kits não estão sendo fornecidos a mais de 3 meses, bem como a execução do exame para confirmação, chamado Elisa.
A participação da comunidade é fundamental para o controle da doença. Para isto, é importante o conhecimento dos sintomas, tratamento, forma de transmissão e medidas preventivas.
A leishmaniose pode ser prevenida através do uso nos cães de coleiras a base de deltametrina a 4%. Evitar o acúmulo de matéria orgânica em decomposição nos quintais (restos de frutos, folhas, raízes e galhos) uma vez que o mosquito-palha é um inseto bem pequeno e costuma se reproduzir em locais com muita matéria orgânica em decomposição.






Gerente da VI Ursap desmente Nota da Prefeitura sobre distribuição de insumos para prevenção do Calazar
A gerente da VI Ursap, Mona Lisa Torquato, refutou as acusações feitas pela Prefeitura de Pau dos Ferros sobre o repasse de insumos pela Unidade Regional de Saúde para a prevenção do Calazar; já que no município foram confirmados três casos da doença nos últimos dias.
Segundo Mona Lisa, as informações de que a VI Ursap não está distribuindo, a contento, “são falsas” porque “todas as vezes que a Secretaria Municipal de Saúde  precisou, inclusive testes rápidos, exames Elisa e capacitação profissional, foi atendida”.
Ela diz, ainda, que a atual gestão pau-ferrense, por incompetência administrativa, está querendo se eximir de suas responsabilidades.
Veja as informações divulgadas por Mona Lisa Torquato à ‘nota’ da Prefeitura:
“Em relação à nota emitida pela Prefeitura de Pau dos Ferros sobre os casos de leishmaniose (calazar) no município, venho a público contestar as falsas informações de quem, por incompetência, quer se eximir de suas responsabilidades.
A VI Unidade Regional de Saúde Pública – URSAP vem repassando, de maneira regular, os insumos que os municípios, inclusive Pau dos Ferros, precisam para a prevenção da leishmaniose, como testes rápidos de identificação da doença, exame Elisa e capacitação dos profissionais de vigilância epidemiológica para realização dos testes.
Não é de hoje que a VI URSAP trabalha com esses insumos e toda vez que a Secretaria Municipal de Saúde solicitou, foram disponibilizados. Inclusive hoje, 09 de agosto, foi entregue uma caixa de testes. O setor de Vigilância Epidemiológica é muito competente. Logo, não vou permitir injustiças com a equipe técnica.
Por que o risco da doença não aconteceu antes? A Secretaria Municipal de Saúde precisa fazer seu trabalho de prevenção de doenças nos bairros, nas ruas e nas residências, mas, infelizmente, a gestão não tem essa preocupação. Aliás, com o descaso que a atual gestão está tratando as pessoas, o que esperar da atenção aos animais?
Agora, mais do que nunca, é preciso prevenir a doença e cuidar das pessoas. É hora de cada um assumir suas obrigações e responsabilidades”. *Blog do Capote.






Governo sanciona LDO e salário mínimo previsto para 2018 é de R$ 979
São Paulo SP Brasil 08 08 2017 O presidente Michel Temer em São Paulo na Cerimônia de Lançamento do PRODULOTE - Produção de Lotes Urbanizados MERCADO. Jorge Araujo Folhapress 703 ORG XMIT: XXXO presidente Michel Temer sancionou, com vetos, a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para 2018. A LDO estabelece as metas e prioridades do governo para o ano seguinte e orienta a elaboração da lei orçamentária anual. O texto sancionado está publicado na edição desta quarta-feira (9) do Diário Oficial da União.
Uma das definições foi o aumento de 4,5% no salário mínimo, dos R$ 937 deste ano para R$ 979 em 2018.
Na mensagem presidencial enviado ao Senado, o governo justifica que vetou alguns pontos por “contrariedade ao interesse público e inconstitucionalidade”.
Um dos vetos foi ao item que registrava que o Executivo adotaria providências e medidas, inclusive com o envio de proposições ao Legislativo, com o objetivo de reduzir o montante de incentivos e benefícios de natureza tributária, financeira, creditícia ou patrimonial. A justificativa ao veto é que “o dispositivo poderia tornar ilegal medidas de caráter concessivo que se apresentem prementes ao longo do exercício.”
Outro ponto vetado é o que previa que projetos de lei e medidas provisórias relacionadas ao aumento de gastos com pessoal e encargos sociais não poderiam ser usados para conceder reajustes salariais posteriores ao término do mandato presidencial em curso.
O governo argumentou que “a limitação prejudica a negociação das estruturas salariais com os servidores dos três poderes, impondo um marco final curto para a concessão de reajustes salariais”. O texto lembra que muitas vezes reajustes são concedidos de forma parcelada em mais de um exercício fiscal.
ENTENDA A LDO
A LDO define as metas e prioridades do governo para o ano seguinte, orienta a elaboração da lei orçamentária anual e fixa limites para os orçamentos dos poderes Legislativo e Judiciário e do Ministério Público.
O texto sancionado mantém a meta fiscal proposta pelo governo e prevê, para 2018, um deficit primário de R$ 131,3 bilhões para o conjunto do setor público consolidado (que engloba o governo federal, os estados, municípios e as empresas estatais), sendo R$ 129 bilhões para os orçamentos Fiscal e da Seguridade Social da União e R$ 3,5 bilhões para o Programa de Dispêndios Globais.
A LDO estipula o aumento do salário mínimo de R$ 937 para R$ 979. Também projeta um crescimento real da economia brasileira de 2,5%, taxa básica de juros (Selic) em 9%, o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) de 4,5% no ano e o dólar a R$ 3,40 no fim de 2018.
Esta será a primeira LDO a entrar em vigor após aprovação do teto de gastos públicos, que atrela os gastos à inflação do ano anterior, por um período de 20 anos.






Foragido do Centro de Detenção de Pau dos Ferros foi recapturado em Mossoró
Breno Fernandes Pimenta da Silva, de 18 anos de idade, foragido do presídio de Pau dos Ferros, foi preso na noite desta quinta-feira(09), durante abordagem da Viatura de Radio Patrulha do bairro Belo Horizonte comandada pelo Cb Ocimar e o Sd Santos Neto, da Força Tática, em apoio ao Grupo de Escolta Penal de Mossoró.
Breno, que cumpre pena por assalto, fugiu no último dia 03 de agosto, do Centro de Detenção Provisório(CDP) de Pau dos Ferros com outros 06 presos, estava escondido numa residência localizada na rua João Damásio e só foi localizado graças uma denúncia anônima.
Bruno Fernandes, foi apresentado na Delegacia de Plantão em Mossoró e deverá ser conduzido para algum presídio da região. *O Câmera








Homem é detido após ser flagrado com drogas em Pau dos Ferros
Um homem de 31 anos foi preso na tarde desta terça-feira(08), após ser flagrado pelo GTO do 7º BPM portando droga. Segundo informações, durante ronda pelo Bairro Arizona, em Pau dos Ferros, o indivíduo foi revistado e com ele encontrado uma pequena quantidade de maconha.
O suspeito foi conduzido pelos militares à Delegacia de Polícia civil para as providencias cabíveis. *Nosso Paraná





Empresa que administra presídios do AM deve pagar multa milionária por rebeliões
A empresa Umanizzare, que administra os presídios do Amazonas, deverá pagar mais de R$ 7 milhões em multas ao governo do estado. De acordo com informações da Procuradoria-Geral do Estado (PGE-AM), a cobrança se refere aos motins e fugas de detentos nos anos de 2015 e 2016, não incluindo o massacre ocorrido em janeiro de 2017 no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), onde mais de 60 detentos foram mortos e pelo menos 200 conseguiram fugir.
A empresa já responde a um processo no Tribunal de Justiça do Amazonas referente a multas devidas ao estado no valor de R$ 3,2 milhões, ajuizadas neste mês.
A cobrança, segundo a PGE, é em decorrência do não cumprimento de cláusulas dos contratos firmados com a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap). Não houve um acordo entre a pasta e a empresa, o que levou a Seap a solicitar que a Procuradoria inscrevesse a Umanizzare na dívida ativa do estado.
“A empresa não cumpriu com suas obrigações principais, que são evitar a ocorrência de conflitos e fugas dos presos nos anos de 2015 e 2016. Por isso, o Estado tomou essa providência legal que está prevista em contrato”, explicou o subprocurador-geral do Estado, Victor Cipriano.
O prazo para pagamento dos valores devidos encerrou no dia 1º. A PGE disse que vai acionar a Justiça para cobrar a dívida.
Em nota, a empresa disse que, em relação à cobrança da Procuradoria, vai recorrer administrativamente. Sobre o processo judicial, informou que ainda não recebeu a notificação.
A Umanizzare é responsável pela gestão de oito unidades prisionais no Amazonas e duas no Tocantins. Em janeiro deste ano, o contrato com a empresa com o governo amazonense foi renovado por mais um ano.
A assessoria de imprensa da Seap confirmou as informações e que a cobrança das multas foi um pedido da própria pasta.





Mulher é morta a pedradas no Oeste potiguar; companheiro é suspeito

Imagem ilustrativa
Uma dona de casa de 41 anos foi morta a pedradas na madrugada desta quinta-feira (10) na cidade de São Miguel, no Oeste potiguar. O corpo de Maria Neide da Silva foi encontrado estirado no meio de uma rua no bairro Alto de Santa Teresa. As pedradas atingiram o rosto e a cabeça da mulher.
Segundo o tenente-coronel Davi Cavalcanti, comandante da Polícia Militar na região, o principal suspeito é o atual companheiro da vítima, que foi levado à delegacia. Ele nega o crime.
O caso está sendo investigado pela Polícia Civil.
*Portal G1