SIGA ➨Fábio Júnior Venceslau

SIGA ➨Fábio Júnior Venceslau
✍ O objetivo deste é oferecer ao público leitor: informação com veracidade, interpretação competente e pluralidade de opiniões sobre os fatos. Tratando-se de um canal interativo visando promover uma comunicação capaz de contribuir positivamente na vida dos seus seguidores, primando pela imparcialidade e coerência. ☛ Blog Informativo: Estado do Rio Grande do Norte - Brasil

Esse é o seu Blog

Esse é o seu Blog
Todo Dia tem Notícias

Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

Blog Siga Fábio Júnior Venceslau
Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

COBERTURAS E EVENTOS

RÁDIO MAROCA WEB EM ANTÔNIO MARTINS RN

RÁDIO MAROCA WEB  EM ANTÔNIO MARTINS RN
RÁDIO MAROCA - Clique Aqui - Visite o Nosso Site

FAÇA A SUA PARTE

FAÇA A SUA PARTE
ANUNCIE AQUI NO NOSSO BLOG E VEJA A DIFERENÇA

CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN

CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN
CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN

SEJA TAMBÉM NOSSO ANUNCIANTE

SEJA TAMBÉM NOSSO ANUNCIANTE
BLOG TODO MUNDO OLHA, TODO DIA TODO MUNDO VER.

E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com

E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com
E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com

Clique na Imagem e visite o Site

Clique na Imagem e visite o Site
Clique na Imagem e visite o Site

.

.
.

quinta-feira, 1 de março de 2018

Fábio Venceslau De Souza Júnior - @fabiojrvenceslau

Especialistas alertam sobre o golpe do CPF
Você sabia que existem sites que mostram detalhes da vida de uma pessoa após digitar o número do seu CPF? O SP no Ar, exibido pela Record TV, de segunda a sexta-feira, a partir das 7h30, mostra em detalhes como funciona o “golpe do CPF”.
Após digitar os números do documento, o site revela detalhes da vida do dono do CPF. A consulta é fácil e rápida, mas é ilegal.
Entre as informações disponíveis na internet, está o endereço, local de trabalho e até o nome dos pais do dono do CPF. Divulgar dados pessoais é crime e normalmente são fornecidos a partir de banco de dados de empresas e instituições.
‘Dados bancários e financeiros são protegidos pelo direito à privacidade e complementados por leis especiais’, esclarece o advogado Victor Auilo Haikal.
Uma pesquisa feita pela Serasa revela que em 2017 foram feitas mais de 1,964 milhão de tentativas de fraudes com CPF, o maior índice dos últimos três anos, ou seja, uma a cada 16 segundos.
De acordo com pesquisa realizada pela Serasa Experian, estelionatários preferem comprar celulares ou abrir contas de telefone com documentos falsos. Com esse comprovante de residência, eles emitem cartões de crédito e deixam a conta para o dono do CPF pagar.
‘Temos pesquisas que mostram que consumidor que perde documentos tem chances dobradas de ser fraudado’, explica a gerente da Serasa, Carolina Aragão, que recomenda não carregar todos os documentos originais e ter cuidado na hora de fazer uma pesquisa na internet, não colocando dados em qualquer site.
Mas será que é possível excluir o próprio CPF dos sites ilegais? Segundo o advogado, Victor Auilo Haikal, bastando a notificação, o site deveria retirar do ar. Em caso de fraude, é importante consultar um especialista e entrar com uma ação por danos morais.
Após digitar os números do documento, o site revela detalhes da vida do dono do CPF. A consulta é fácil e rápida, mas é ilegal.
R7





Menor é estuprada pelo padastro em Taboleiro Grande

Por volta das 8:30hs de ontem, 28, o Conselho Tutelar acionou a Polícia de Taboleiro Grande dando conta de um fato que havia ocorrido na madrugada do dia 27 pra o dia 28: os conselheiros relataram que a família de uma menor de 11 anos havia procurado aquele órgão, naquela manhã e relataram que a menor havia sido vítima de um estupro e que o autor teria sido seu padastro, o senhor José Sildevan da Silva 40 anos de idade
A PM foi até o conselho para colher mais informações com a família da menor e foram informados que naquela manhã, a criança chamou a avó para ir ao banheiro com ela e reclamou para ela que suas partes íntimas estava ardendo.  A avó verificou e constatou que a genital da criança estava machucada e que ela havia sido sexualmente agredida.
Foram informados também que a criança teria contado que seu padastro já havia repetido o fato outras vezes e que a ameaçava para que não contasse a ninguém. José Sildevan e a mãe da criança já são conhecidos da polícia por estarem constantemente embriagados e serem notoriamente usuários de drogas.
Diante do crime narrado, a guarnição passou a empreender diligências no sentido de prender José Sildevan em flagrante. Através de fontes, conseguiram localizar e prender em flagrante José Sildevan por volta das 12:40 hs em um bar próximo ao açougue da cidade de Pau dos Ferros e o recolheram à polícia civil para que sejam tomadas as devidas providências. *Blog do João Moacir.









Ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, informa que abrirá concurso para a PF e PRF

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, informou, ao anunciar nesta quarta-feira (28) a equipe do novo ministério, que foi autorizado a abrir concurso para as polícias Federal e Rodoviária Federal, com 500 vagas para cada corporação. A promessa é que os certames sejam realizados ainda em 2018. O ministro informou ainda que o orçamento da pasta será de R$ 2,7 bilhões. Após reunião com o Ministério do Planejamento, ficou decidido que não haverá contingenciamento das verbas do órgão.
O ministro Jungmann anunciou que vai marcar um encontro dos ministros de Segurança de todos os países da América do Sul para discutir a situação das fronteiras, e defendeu que uma autoridade do continente coordene a discussão do tema.
Raul Jungmann anunciou os nomes que formarão a equipe da pasta. O general Carlos Alberto Santos Cruz acumulará a Secretaria-Executiva e a Secretaria Nacional de Segurança Pública; o diplomata Alessandro Candeas será o chefe de gabinete; o delegado Rogério Galloro será o diretor da Polícia Federal; Renato Borges Dias fica na direção da Polícia Rodoviária Federal, e Carlos Felipe de Alencastro, como diretor do Departamento Penitenciário Nacional.
O Ministério foi criado por Medida Provisória na terça-feira (27) pelo presidente Michel Temer.
O ministro informou que o presidente Michel Temer vai se reunir nesta quinta-feira (1) com governadores para discutir ações de segurança pública. Ele disse que não adiantaria os números sobre o orçamento da pasta, para que sejam divulgados pelo presidente. Mas adiantou que o Ministério do Planejamento não contingenciará as verbas do órgão. Anunciou ainda que foi autorizada a abertura de concurso para as polícias Federal e Rodoviária Federal.
PF e PRF
Na Polícia Federal, Jungmann anunciou que o número de agentes em fronteiras será dobrado. Segundo o ministro, o combate à corrupção e ao crime organizado serão considerados prioritários, “não sendo excludentes”. Questionado sobre a operação Lava Jato, afirmou que ela terá “todo o apoio em todas as suas necessidades”.
Na Polícia Rodoviária Federal, será fortalecido o programa Alerta Brasil, que funciona com videomonitoramento. Até o fim do ano a promessa é que os postos cheguem a 330. No Rio de Janeiro, o intento é multiplicar por seis os postos atuais.
Intervenção
Questionado sobre se o governo estaria preparado em caso de novos pedidos de intervenção federal, Jungmann disse que é preciso “muita moderação” e que não vê outro quadro onde a medida seja necessária.
“O Rio de Janeiro tem 830 comunidades sob controle do crime organizado, tráfico e milícias. Temos uma crise econômica, fiscal, moral e de segurança. O Rio de Janeiro vive situação que exigiu que se tomasse alguma providência. Eu não vejo uma situação que demande uma outra intervenção”, disse.
Articulação
O titular da nova pasta informou que se reuniu com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para avaliar as propostas de leis que tramitam na Casa voltadas à temática da segurança. Jungmann sinalizou a possibilidade da elaboração de uma nova legislação integrando a estrutura institucional da área.
Raul Jngmann anunciou que vai se reunir com prefeitos de capitais para debater o tema segurança pública. “A Constituição não incluiu as capitais no sistema de segurança. A nossa população vive em termos majoritários nas regiões metropolitanas e essas têm contribuição importante a dar”, defendeu.
O ministro da Segurança Púbica informou que procurará entidades empresariais e organizações da sociedade civil para dialogar, como a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).
Parlatórios
Jungmann defendeu o uso de parlatórios nos presídios. Esses mecanismos gravam as conversas entre presos e seus advogados. A adoção do instrumento sofre resistências da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O ministro disse que os presídios não podem “serhome-offices do crime”.
Novo ministério
A nova pasta reúne a Polícia Federal, a Polícia Rodoviária Federal, o Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária e a Secretaria Nacional de Segurança Pública, todos os órgãos antes vinculados ao Ministério da Justiça.
Uma vez que parte importante das ações de segurança é realizada pelos governos estaduais, ficará a cargo da nova pasta também a articulação das políticas de combate ao crime. Outra atribuição será a gestão dos presídios sob responsabilidade do governo federal
Respeito
Hoje (28) Jungmann participou da reunião do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) convocada para apresentar o Banco Nacional de Monitoramento de Prisões. E reafirmou que o combate ao crime não pode cair em “atalhos” fora da lei ou desrespeitar os direitos humanos.
Polícia Federal
Na terça-feira (27), o ministro anunciou a troca do comando da Polícia Federal. Fernando Segóvia foi exonerado do cargo para dar lugar a Rogério Galloro, que até então ocupava o cargo de secretário Nacional de Justiça do Ministério da Justiça. Galloro é delegado há mais de 20 anos e já havia ocupado o posto de diretor-executivo da corporação.
Segóvia vinha sofrendo críticas por declarações acerca da investigação envolvendo o presidente Michel Temer. A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, solicitou ao ministro do Supremo Tribunal Federal Luís Roberto Barroso que o diretor se abstivesse de ingerências na investigação. *Agência Brasil








Governo do RN anuncia como será feito o pagamento do 13º dos servidores
Resultado de imagem para décimo-terceiro
O Governo do Estado fará o pagamento do décimo-terceiro aos servidores de forma escalonada. Em março, receberão aqueles com vencimentos até R$ 2 mil, somando 26.889 funcionários. Os demais receberão nos meses seguintes.
O Estado já fez, em dezembro, o pagamento do décimo de outros 23.055 servidores da Secretaria de Educação e órgãos que têm arrecadação própria. No fim de março, terão recebido o benefício quase 50 mil pessoas, o que equivale a 45,47% do total de funcionários estaduais.
Na informação sobre o 13º, o governo não informou qual a data deste pagamento.
Os salários dos servidores ativos, inativos e pensionistas do Governo do Estado do mês de janeiro foram totalmente pagos. Nesta quarta-feira (28) ONTEM, a folha foi concluída.

Nenhum comentário:

Postar um comentário