SIGA ➨Fábio Júnior Venceslau

SIGA ➨Fábio Júnior Venceslau
✍ O objetivo deste é oferecer ao público leitor: informação com veracidade, interpretação competente e pluralidade de opiniões sobre os fatos. Tratando-se de um canal interativo visando promover uma comunicação capaz de contribuir positivamente na vida dos seus seguidores, primando pela imparcialidade e coerência. ☛ Blog Informativo: Estado do Rio Grande do Norte - Brasil

Esse é o seu Blog

Esse é o seu Blog
Todo Dia tem Notícias

Seja mais um dos nossos seguidores do Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

Blog Siga Fábio Júnior Venceslau
Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

COBERTURAS E EVENTOS

CONFIRA AS PROMOÇÕES DO MERCADINHO SÃO JOSÉ EM ANTÔNIO MARTINS RN

CONFIRA AS PROMOÇÕES DO MERCADINHO SÃO JOSÉ EM ANTÔNIO MARTINS RN
CONFIRA AS PROMOÇÕES DO MERCADINHO SÃO JOSÉ EM ANTÔNIO MARTINS RN

FAÇA A SUA PARTE

FAÇA A SUA PARTE
ANUNCIE AQUI NO NOSSO BLOG E VEJA A DIFERENÇA

CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN

CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN
CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN

SEJA TAMBÉM NOSSO ANUNCIANTE

SEJA TAMBÉM NOSSO ANUNCIANTE
BLOG TODO MUNDO OLHA, TODO DIA TODO MUNDO VER.

E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com

E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com
E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com

Clique na Imagem e visite o Site

Clique na Imagem e visite o Site
Clique na Imagem e visite o Site

.

.
.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

ANTÔNIO MARTINS RN Por Fábio Júnior Venceslau



Eduardo Cunha informa que autorizou processo de impeachment de Dilma
  O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, informou nesta quarta-feira (2) que autorizou a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. A informação é do G1. O peemedebista afirmou que, dos sete pedidos de afastamento que ainda estavam aguardando sua análise, ele deu andamento ao requerimento formulado pelos juristas Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior.
“Quanto ao pedido mais comentado por vocês proferi a decisão com o acolhimento da denúncia. Ele traz a edição de decretos editados em descumprimento com a lei. Consequentemente mesmo a votação do PLN 5 não supre a irregularidade”, disse Cunha em entrevista coletiva na Câmara.
A decisão ocorreu no mesmo dia em que a bancada do PT na Câmara anunciou que vai votar pela continuidade do processo de cassação de Cunha no Conselho de Ética. Ao longo do dia, Cunha passou a consultar aliados sobre a possibilidade de abrir o processo de impeachment da presidente da República. Na tarde desta quarta, o peemedebista tratou do assunto, em seu gabinete, com deputados de PP, PSC, PMDB, DEM, PR e SD.


Entenda o rito do processo de impeachment 
  O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), decidiu hoje (2) autorizar a abertura do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff. Com isso, tem início um processo que poderá seguir até o próximo ano e inclui coleta de provas, interrogação de testemunhas e votação em plenário. O impeachment, que é a destituição do cargo de presidente ou de alta autoridade do Poder Executivo por crime de responsabilidade, é regulado pela Lei 1079/50.
Veja abaixo o rito do impeachment:
Denúncia
Pela lei, qualquer cidadão pode denunciar o presidente da República por crime de responsabilidade perante a Câmara dos Deputados. As testemunhas arroladas no processo deverão comparecer para prestar depoimento. Recebida a denúncia, ela é despachada a uma comissão especial eleita. A comissão deverá contar com a participação de representantes de todos os partidos para opinar sobre a mesma.
A comissão se reunirá dentro de 48 horas e, depois de eleger presidente e relator, emitirá parecer, dentro do prazo de dez dias, sobre se a denúncia deve ser ou não julgada objeto de deliberação. Dentro desse período, a comissão poderá tomar as providências que julgar necessárias ao esclarecimento da denúncia.

Votação
O parecer da comissão especial será lido no expediente da sessão da Câmara dos Deputados e publicado integralmente no Diário do Congresso Nacional e em avulsos, juntamente com a denúncia. As publicações devem ser distribuídas a todos os deputados.
Após 48 horas da publicação, o parecer será incluído, em primeiro lugar, na Ordem do Dia da Câmara dos Deputados, para uma discussão única. Cinco representantes de cada partido poderão falar, durante uma hora, sobre o parecer. O relator da comissão especial poderá responder a cada um.
O parecer será submetido a uma votação nominal. Caso a denúncia não seja considerada objeto de deliberação, ela será arquivada. Caso contrário, a denúncia segue e o presidente terá 20 dias para contestá-la e apresentar provas que sustentem a defesa.

Análise
Terminado o prazo, com ou sem a defesa, a comissão especial colherá depoimentos de testemunhas de ambas as partes, podendo ouvir tanto denunciante quanto denunciado. Poderá ainda fazer interrogações e acareação das mesmas. O presidente da República denunciado poderá assistir a todas as sessões pessoalmente ou mandar um representante ao local.
A comissão terá dez dias após o fim das sessões para proferir um novo parecer sobre a procedência ou não das denúncias.
O novo parecer será também publicado e incluído na Ordem do Dia da sessão imediata para ser submetido a duas discussões, com intervalo de 48 horas entre uma e outra. Cada representante de partido poderá falar uma só vez e durante uma hora. O parecer será votado nominalmente. Para que o pedido de impeachment prossiga, dois terços dos 513 deputados devem votar a favor.

Acusação

Caso a denúncia seja considerada procedente, será decretada a acusação pela Câmara dos Deputados. O presidente será intimado imediatamente pela Mesa da Câmara, por intermédio do 1º Secretário. A Câmara dos Deputados elegerá uma comissão de três membros para acompanhar o julgamento do acusado.
Decretada a acusação, o presidente da República é suspenso da função e tem metade do salário cortado até a sentença final. Conforme se trate da acusação de crime comum ou de responsabilidade, o processo será enviado ao Supremo Tribunal Federal ou ao Senado Federal.
No Senado
A próxima etapa é o Senado Federal, onde há prazo de 180 dias para deliberação, comandada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal. Caso dois terços dos senadores votem pelo impeachment, o presidente perde o mandato e seu vice, no caso, Michel Temer, toma posse.
Se Temer também cair, serão realizadas novas eleições diretas dentro de 90 dias, mas apenas caso o processo seja concluído até o fim de 2016. Caso o eventual impeachment ocorra na segunda metade do mandato, o novo presidente será eleito pelo Congresso em até 30 dias.




Início do processo de impeachment é destaque na imprensa internacional

  Jornais de várias partes do mundo noticiaram a abertura do processo de impeachment da presidenta da República Dilma Rousseff na Câmara. O Wall Street Journal, dos Estados Unidos, citou a frase do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que disse não estar feliz por tomar a decisão. O El País, da Espanha, fez uma longa matéria sobre o caso.
O jornal espanhol citou a rejeição das contas de 2014 do governo, que chamou de “manobras fiscais irregulares”, como o argumento do pedido de impeachment aceito por Cunha. O periódico lembrou que, caso o impeachment se confirme, o vice Michel Temer seria o sucessor e falou ainda que “a semana começou mal para o governo”, com o anúncio da queda de 4,5% no Produto Interno Bruto (PIB) no terceiro semestre.
O argentino El Clarín disse que o caso “provoca uma grande incerteza política, acentuando uma crise que se prolonga desde o início do ano”. O site da revista inglesa Time noticiou que Cunha disse estar abrindo o processo de impeachment com base em acusações de que o governo Dilma quebrou leis de responsabilidade fiscal. O inglês The Guardian disse que o Brasil entra em “sua pior crise política deste século”. O jornal também informa que, “depois de meses de disputa política”, Eduardo Cunha deu sinal verde ao impeachment depois que deputados do PT anunciaram que decidiram votar contra Eduardo Cunha no Conselho de Ética, que julga se será aberto processo contra o deputado por quebra de decoro parlamentar, o que pode resultar na cassação do parlamentar.






Os Nossos sinceros Votos!















Rio Grande do Norte tem a maior expectativa de vida da região Nordeste e a nona no Brasil

  

  Em 2014, a expectativa de vida ao nascer no Rio Grande do Norte era de 75,2 anos, segundo dados divulgados nesta terça-feira, 1º, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esta é a maior esperança de vida da região Nordeste e a nona em todo o Brasil.
A expectativa dos homens no estado é de 71,2 anos, enquanto que a das mulheres é de 79,3, diferença de 8,1 anos.
A unidade da federação com maior expectativa de vida ao nascer para ambos os sexos, em 2014, foi Santa Catarina, com 78,4 anos. Santa Catarina também apresentou a maior esperança de vida para os homens (75,1 anos) e para as mulheres (81,8 anos).
No outro extremo está o estado do Maranhão, com uma esperança de vida ao nascer para ambos os sexos de 70,0 anos. Para os homens, a menor esperança de vida estava em Alagoas (66,2 anos), e para as mulheres, em Roraima (73,7 anos).
Assim, Alagoas apresentou a maior diferença entre as expectativas de vida de homens e mulheres (9,5 anos a mais para as mulheres), e a menor diferença foi observada em Roraima (5,3 anos a mais para as mulheres). Em relação à mortalidade infantil, a maior taxa foi observada no Amapá (23,7 por mil nascidos vivos), e a menor no Espírito Santo (9,6 por mil).
Em 2014, a esperança de vida ao nascer no Brasil era de 75,2 anos (75 anos, 2 meses e 12 dias), um incremento de 3 meses e 18 dias em relação a 2013 (74,9 anos). Para a população masculina o aumento foi de 3 meses e 25 dias, passando de 71,3 anos para 71,6 anos. Já para as mulheres o ganho foi um pouco menor (3 meses e 11 dias), passando de 78,6 anos para 78,8 anos.
De 1940 a 2014, a esperança de vida ao nascer para ambos os sexos passou de 45,5 anos para 75,2 anos, um aumento de 29,7 anos






Convite Missa de 7 dia!


   Chaguinha e familia ainda entristecidos pela morte de sua querida filha Joselita Nunes de Oliveira, mais conhecida popularmente por Galega irmã de Biô.Convidam toda comunidade para a missa de 7 dia que será celebrada dia 04 de Dezembro, nesta Sexta-Feira as 17:00hs ( 5 da tarde) na antiga capela de Santo Antônio em frente ao Cruzeiro.Desde já a família agradece a todos os que se fizerem presentes.








CONVITE MISSA DE 30 DIAS


   



   Os familiares do senhor Francisco Oliveira Costa mais conhecido por Bibiu de Zé de Janjão ainda consternados com a sua partida, convida toda comunidade para a missa de trigésimo dia que será celebrada dia 06 de Dezembro de 2015 , neste domingo as 19:00hs ( 7 da Noite) na antiga capela de Santo Antônio em Antônio Martins.

Em nome de toda a família do senhor Bibiu de Zé de Janjão ficam os agradecimentos.









CPF passa a ser emitido junto com a certidão de nascimento
 Em ação inédita no país, foi lançado em São Paulo um novo serviço ao cidadão que permitirá a emissão do Cadastro de Pessoa Física (CPF) no momento em que é feito o registro da certidão de nascimento. Por meio de convênio entre a Receita Federal e a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen-SP), os cartórios vão informar os dados do recém-nascido ou da pessoa a ser registrada pelo sistema online e, imediatamente, o número do CPF será repassado e impresso na certidão sem nenhum custo.
De acordo com Marcelo Barreto, superintendente substituto da Receita Federal em São Paulo, a medida será estendida agora à tarde ao Rio de Janeiro e hoje (2) a todo o país. Ele lembrou que, atualmente, para ter acesso ao CPF os interessados têm de procurar um dos postos da rede conveniada (Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e agências dos Correios) e pagar a taxa de R$ 7,00. A partir de agora, o serviço passa a ser gratuito, “eliminando discrepâncias e facilitando a vida do cidadão”, disse Barreto.




REFLEXÃO DO DIA!










TSE derruba inelegibilidade de Rosalba e a libera para 2016



    Concluído há poucos minutos, um julgamento bastante esperado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
A ex-governadora Rosalba Ciarlini (PP) suplantou a inelegibilidade por 4 x 3.
Em pauta, o processo em que ela fora condenada em primeiro grau com multa pecuniária pela juíza Ana Clarisse Arruda.
No Tribunal Regional Eleitoral (TRE), é que houve suplementação de inelegibilidade por oito anos, acórdão que o TSE não acatou hoje.
Assim, Rosalba está liberada para ser candidata logo às eleições municipais de 2016, em Mossoró. Assim pretenda.
Outubro
O julgamento em pauta fora iniciado no dia 29 de outubro último, com voto da ministra relatora Maria Thereza Moura, que foi parcialmente favorável à Rosalba, rechaçando a inelegibilidade e mantendo a multa.
Na sequência da apreciação do recurso, hoje, a sua conclusão com o placar apertado.
O uso de avião do Estado em dezenas de pousos e decolagens no Aeroporto Dix-sept Rosado, em Mossoró, durante a campanha de Cláudia Regina (DEM) à Prefeitura mossoroense em 2012, foi o ponto nuclear da demanda.
A própria Cláudia Regina foi inocentada nesse recurso, de hoje, pelo pleno do TSE. O entendimento é que como não ocorrera punição à Rosalba, com a inelegibilidade, ela não poderia ser condenada também.

*Carlos Santos








RN registra aumento em casos de síndrome que ataca sistema nervoso

  Doença inflamatória que ataca o sistema nervoso, conhecida como Síndrome de Guillain-Barré, registrou aumento nos casos no Rio Grande do Norte.
De acordo com a Secretaria de Saúde Pública do Estado (Sesap), de janeiro a agosto deste ano foram confirmados 33 casos. Em todo o ano de 2014, o número de casos registrados no RN foi de 23.
A Sesap não confirmou nenhuma investigação sobre a associação da Guillain-Barré com a zika vírus.
No último balanço divulgado sobre a zika vírus, a Sesap confirmou 60 casos registrados e cinco mortes.

Convite Especial! 

Formatura dos Donos do Futuro
.













Deputados questionam segurança do WhatsApp

   Os deputados Delegado Éder Mauro, Silas Freire, JHC e Eduardo Bolsonaro questionaram o representante do WhatsApp, Mark Kahn, sobre a impossibilidade técnica do aplicativo de armazenar dados e e fornecê-los às autoridades em investigações de crimes. Os deputados também questionaram o fato de a empresa ter sede nos Estados Unidos e não manter funcionários no Brasil. Mark Kahn explicou que o serviço foi desenvolvido para que as mensagens não fossem armazenadas. “Uma vez que são enviadas não ficam em nosso servidor. isso é que faz o serviço ser rápido e eficiente”, informou.
Segundo Kahn, mesmo com ordem judicial é impossível interceptar essas informações, porque eles não dispõem da chave do código. Ele admitiu que não há escritório no Brasil ou em qualquer outro país que não seja os Estados Unidos. “Somos só 110 funcionários”, explicou. Kahn também informou que há um canal exclusivo para atender autoridades em situações emergenciais, quando há risco de vida. O executivo do WhatsApp também destacou que a grande maioria dos usuários estão usando o aplicativo para finalidades produtivas e não criminosas.







Diário Oficial publica autorização para o Curso de Medicina na Ufersa

     A  autorização do Curso de Medicina da Universidade Federal Rural do Semi-Árido foi publicada no Diário Oficial da União – DOU desta quarta-feira, dia 03 de dezembro, página 12, seção 1, pelo Ministério da Educação – MEC, com a oferta de 80 vagas anuais para o Campus de Mossoró.
Com a decisão, a graduação em Medicina já constará na lista de cursos ofertados pelo Sistema de Seleção Unificada – SISU de 2016.1, com 30 vagas e, a partir de então, serão 40 entradas por semestre.
Há mais de um ano, a Universidade vem se preparando para a implantação do Centro de Saúde da Ufersa. Uma equipe de sete professores, já empossados, vinha trabalhando na elaboração do Projeto Pedagógico do Curso – PPC, organizando a aquisição de material, espaço e as diretrizes para o funcionamento do curso.
METODOLOGIA – Dentro da proposta pedagógica, o curso de Medicina da Ufersa funcionará de acordo com a “Metodologia Ativa”, isso significa que os estudantes da graduação serão inseridos na rede local de atenção à saúde desde o primeiro semestre letivo. Para a professora Andréa Taborda, uma das coordenadoras do PPC, “os estudantes terão maior aproximação com as problemáticas locais”.
Com a publicação da Autorização, a Universidade irá nomear ainda nesta quinta-feira, dia 3, mais 12 novos professores aprovados em concurso público. Também já foram empenhados a aquisição de material para laboratório e material de anatomia para os anos iniciais, além do acervo bibliográfico.
ACOMPANHAMENTO – A implantação do curso de Medicina na Ufersa está no âmbito da Política Nacional de Expansão das Escolas Médicas das Instituições Federais de Educação Superior, do Ministério da Educação, que, entre outras diretrizes, prevê a avaliação periódica por uma Comissão de Acompanhamento e Monitoramento de Escolas Médicas – CAMEM.
Em meados de novembro deste ano, a Universidade recebeu a visita de uma comissão do Ministério com membros responsáveis pelo procedimento que antecederam a autorização publicada hoje. Via de regra, as universidades gozam de autonomia para criar novos cursos de graduação, mas alguns cursos em específico exigem mais do que a autonomia universitária. Exemplo disso é o curso de Medicina que pressupõe aprovação prévia pelo Conselho Nacional de Saúde.
Para o reitor da Ufersa, professor José de Arimatea de Matos, “A autorização do curso de Medicina da Ufersa é a concretização de um planejamento que envolveu a comunidade acadêmica com muita dedicação. Estamos realizando o sonho de trazer mais cursos de Medicina para o interior do Estado, o que certamente terá um impacto positivo para a Saúde de toda nossa região”






JUNFAM 2015. 


É neste dia 25/12/2015. 

As 16 horas.

ONDE? No Fernandão em Antônio Martins -RN

Entrada participantes 2kgs de alimentos e torcida 1 kg

Convide a sua turma, traga a sua turma venha se torcer pelo seu time e também colaborar

com uma NATAL FELIZ para muitas famílias de nossa terra.


APOIO:  www.sigafabiojunior.blogspot.com.br








SET realiza mais uma operação de combate à sonegação
   A Secretaria de Estado da Tributação (SET), representada pela Subcoordenadoria de Fiscalização de Mercadorias em Trânsito e Itinerância Fiscal (Sumati), juntamente com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), realizou na última segunda-feira (30), nas instalações do Posto Fiscal de Caraú, BR 101-Sul, distrito de Baía Formosa-RN, mais uma edição da Operação Fronteira Legal.
A Operação Fronteira Legal tem como objetivo combater a circulação de mercadorias em trânsito pelo Rio Grande do Norte sem notas fiscais e o devido recolhimento dos impostos.   Durante a ação, a equipe abordou 1.753 veículos, lavrando 22 termos de apreensão de mercadorias estimadas em R$ 767.349,69 (setecentos e sessenta e sete mil reais).
Segundo o Secretário Estadual de Tributação, André Horta, o objetivo do fisco estadual em dar continuidade a estas operações especiais de fiscalização é tornar mais favorável o ambiente comercial dos contribuintes regulares. “As penalidades impostas diariamente aos sonegadores cria um ambiente de prosperidade e maior competitividade para a maioria dos contribuintes, os quais operam regularmente no estado e se prejudicam com o comércio ilegal. A parceria da PRF e a ação conjunta do IBAMA tem otimizado a presença dos entes estatais na regulação social”, completou.
Saiba mais
A Operação Fronteira Legal já foi realizada em vários municípios do RN, dentre eles Natal, Mossoró, Caicó, Nova Cruz e Pau dos Ferros. As principais mercadorias encontradas nas abordagens foram confecções, alimentos, combustíveis, bebidas e material de construção.




Deputado sugere que beneficiários do Bolsa Família sejam utilizados no combate ao Aedes Aegypti

     O deputado estadual Tomba Farias (PSB) sugeriu na tarde de hoje, na Assembleia Legislativa, que o governo federal utilize os beneficiários do programa Bolsa Família em ações de ações de combate ao Aedes Aegypti, transmissor do vírus responsável por doenças como Zika, além da Microcefalia, que se manifesta no sistema nervoso periférico dos bebês, gerando a malformação do cérebro.
O Rio Grande do Norte já tem 79 casos notificados até a última terça-feira, dia 2, com cinco óbitos registrados. Segundo acredita o parlamentar, a partir do momento em que o governo federal envolver os beneficiários do Programa Bolsa Família no combate ao Aedes Aegypti, a doença seria erradicada. “Os beneficiários ficariam responsáveis por um dia de limpeza em terrenos, casas e espaços com focos do mosquito. Tenho certeza absoluta que esse trabalho iria erradicar a doença”, sugeriu.
Para Tomba, cada beneficiário do Bolsa Família deveria dar um dia de trabalho para combater o mosquito. Segundo ele, somente na cidade de Santa Cruz, a participação dos beneficiários do Bolsa Família iria gerar mais de 3.600 dias de trabalho destinados a limpeza dos focos, envolvendo 164 pessoas por dia, exceto nos sábados e domingos. “Com essa ideia implantada no Brasil, imagine quantos soldados teríamos na luta contra essas doenças”, ressalta.





RECEITA DO DIA   COM  
 TOINHA DE RUGEL

ANTÔNIA BARBOSA/ Colunista Social




PÃO DE CRISTO
Ingredientes:
1 litro de água filtrada
4 colheres (sopa) açúcar
4 colheres (sopa) farinha de trigo
1 colher (café) sal
Modo de preparo
Utilize uma vasilha de vidro para melhor visualização, coloque a água levemente morna (quase em temperatura ambiente) e por cima polvilhe o sal, açúcar e a farinha. Não mexa, cubra com um filme plástico e deixe fermentar por 3 a 4 dias.







Pedidos de falência acumulam alta de 17,8% no ano


   Os pedidos de falência registraram alta de 17,8% no acumulado do ano em relação ao mesmo período de 2014, segundo dados da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), com abrangência nacional. Em novembro de 2015, o número de pedidos de falências recuou 1,0% na comparação mensal e aumentou 34,0% em relação a novembro de 2014.
No acumulado do ano, as falências decretadas subiram 17,4% em relação ao período equivalente do ano anterior. Na comparação interanual aumentaram 20,5%, e 53,6% ante o mês anterior. Os pedidos de recuperação judicial e as recuperações judiciais deferidas, no acumulado do ano, também seguiram tendência de alta, registrando 50,3% e 43,6%, respectivamente.
A fraca atividade econômica e os elevados custos dificultam a geração de caixa, enquanto a restrição e encarecimento do crédito às empresas agravam ainda mais a situação, levando à piora os indicadores de inadimplência e de solvência. A Boa Vista SCPC espera que essa tendência dos indicadores de falências se mantenha, encerrando com o maior crescimento desde o início da série histórica em 2005.







Concurso o mais belo garoto e garota fitness de Alexandria - RN


Desfile Fitness em Alexandria/RN.












Sábado, 19 de dezembro de 2015, às 20 horas na AABB de Alexandria/RN, ocorrerá desfile fitness que elegerá O Mais Belo Garoto e Garota Fitness de Alexandria, e também oMen's Physic e Garota Biquíniregional.

O Concurso busca descobrir e revelar a beleza física de pessoas que circulam em todas as academias de ginástica e musculação de Alexandria e região. Mostrar através de uma seletiva de beleza os resultados alcançados com treinos, determinação e um estilo de vida mais saudável.

O concurso terá uma premiação de R$ 1.700,00 (Hum mil e setecentos reais), mais troféu e suplementos.

As inscrições serão realizadas de 14/12/2015 a 16/12/2015. Não será permitida a inscrição após o prazo estipulado, e em hipótese alguma no horário do evento.

Todas as informações e regulamento completo serão publicados nos melhores blogs e sites da região.

O evento será animado por DJ e Discoteca Irmãos Borges.

Uma realização do colunista Marcos Almeida.





Governador decreta Estado de Emergência para casos de microcefalia

   Prefeitos, sociedade civil, segmentos religiosos e entes públicos foram convocados pelo governador Robinson Faria para se unirem num grande pacto contra o mosquito Aedes Aegypti, após o significativo aumento do número de casos de crianças nascidas com microcefalia no Estado – situação semelhante no resto do Nordeste e Brasil – e que estão ligados ao zika vírus.
A reunião ocorreu na Escola de Governo hoje (3) pela manhã e o governador aproveitou para anunciar uma série de medidas, como o Decreto de Estado de Emergência que será assinado ainda hoje; a solicitação de uma audiência com a presidenta Dilma, para discutir especificamente essa situação juntamente com outros governadores do Nordeste, na qual vai defender a criação de um Fundo Nacional, a divulgação de uma campanha publicitária educativa, bem como a busca pelo apoio dos mais de 4 mil soldados do Exército do Estado para se unirem aos agentes de saúde contra os focos do mosquito, que causa doenças como dengue, zika e febre chikungunya.
Robinson Faria ressaltou que essa é uma “guerra” contra o mosquito: “Esse é o momento para uma grande pactuação com Governo. Vamos fazer uma força tarefa com a união dos secretários de Estado, prefeitos, Poder Judiciário, Assembleia Legislativa, Câmara Municipal, sociedade civil, bem como Igrejas, universidades, escolas públicas e privadas, imprensa, entre outros, para mudar a história dos últimos 30 anos sob a ameaça do mosquito transmissor. Todos devemos ser protagonistas no combate ao mosquito.
Os prefeitos que estão aqui presentes, poderão levar nossa campanha educativa para a população de suas cidades através das rádios; cada um deverá ter seu papel para fazermos essa comunicação”, conclamou, acrescentando que dentre as determinações governamentais, constam a prioridade no atendimento nos hospitais do Estado às crianças nascidas com microcefalia. Até o momento, desde que os técnicos da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) observaram um aumento muito grande dos casos de microcefalia – que contam com 89 casos incluindo também crianças nascidas com má formação. Segundo o Ministério da Saúde já são 1.248 casos de microcefalia no Nordeste. O Rio Grande do Norte está na terceira posição.





Congresso aprova governo fechar ano com prejuízo de R$ 120 bilhões nas contas públicas
  

  No dia de uma grande derrota, o governo conseguiu também uma de suas maiores vitórias recentes. O Congresso aprovou nesta quarta-feira a revisão da meta fiscal para 2015. Na prática, o governo está autorizado a fechar o ano com um rombo de 119,9 bilhões no orçamento sem que corra o risco de ser enquadrado na Lei de Responsabilidade Fiscal. A vitória ocorreu no mesmo dia em que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), anunciou que vai aceitar a abertura do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff. O Congresso ainda precisa votar os destaques do projeto antes que a medida siga para sanção da presidente da República.
O texto passou com 314 votos a favor e 99 contra na Câmara. Logo em seguida, os senadores também aprovaram o projeto, por 46 votos a favor e 16 contra. Os parlamentares das duas Casas Legislativas ainda terão de votar destaques apresentados pela oposição que discutem a exclusão das chamadas “pedaladas fiscais” (atraso no repasse de recursos do Tesouro a bancos estatais para o pagamento de programas sociais) da nova meta fiscal.
Com a mudança da meta, acaba a paralisia da máquina do governo, que desde o início da semana não podia fazer uma série de pagamentos, como contas de luz e água. Na segunda-feira, o governo anunciou o congelamento de 10,7 bilhões de reais em despesas como medida para compensar o atraso na votação da mudança da meta.
Inicialmente, o governo previa fechar o ano com superávit de 55,3 bilhões de reais, mas as estimativas foram piorando no compasso da piora da economia, que afetou a arrecadação. O governo estimava um déficit de 51,8 bilhões de reais, mas a Comissão Mista do Orçamento adicionou à conta a dívida bilionária de quase 60 bilhões de reais das pedaladas fiscais. A aprovação da mudança da meta fiscal ocorreu em uma sessão com mais de quatro horas de duração.





Por pura publicidade, parlamentares prometem recursos que não devem chegar nem tão cedo
  Sem ter o que mostrar, Deputados e até senadores enchem alguns blogs e jornais com notícias sobre a conquista de recursos para Estados e Municípios, através do Governo Federal.
Em belas fotos com ministros, secretários ou funcionários federais, os parlamentares querem passar a imagem de representantes atuantes: puro jogo de publicidade.
O Governo Dilma não tem liberado quase nada para novos investimentos, prova disto, foi o corte de 10 bilhões de reais realizado esta semana, que inviabilizou até o pagamento de despesas básicas, como passagens aéreas, diárias, investimentos, aluguéis e contas de água, luz e telefone.
Porém, por falta do que fazer/mostrar, os parlamentares gastam sorrisos em fotos e matérias repetidas e que nada interferem na realidade dos seus eleitores. Para piorar, eles ainda “esquecem” de mostrar que estas verbas, em tempos de abundância levam, pelo menos, 1 ano para serem liberadas. Em tempos de crise, sem se fala!








Lidia Claudia adicionou 2 novas fotos.
11 h
A nove anos atrás esperava ansiosamente por sua chegada, e hoje vejo VC quase uma mocinha e mim orgulho tanto, de ter ver tão linda perfeita orgulho da minha vida razão da Minha caminhada. hoje é o seu primeiro aniversário que não estou presente mais DEUS sabe que foi por motivos superiores que não posso está ao seu lado filha amada, mais saiba que mamãe te ama além da vida até mesmo que minha própria vida. te daria até a última gota do meu sangue por sua felicidade até mesmo o último suspiro meu por VC meu anjo.
Feliz aniversário minha filha amada? que Jesus te abençoe e te guarde e que nunca deixe VC sofre e te leve sempre por o caminho certo onde haja só flores e que os espinhos nunca chegue a te machucá e sempre estarei ao seu lado pró que der e o que vinher...
Te amo.
minha vida sem VC não é vida








Coisa Boa é chegar o dia do nosso aniversário e reunir todas as pessoas que amamos para ouvir em uma só voz o tradicional " Parabéns pra vc nesta data querida"""
Assim registramos o dia 03 de Dezembro de 2015, desejando um Feliz Aniversário para o nosso querido aluno Adauto Nunes do 1 Ano.
Com alegria festejamos juntos o seu dia, pedindo a Deus para que ilumine a sua vida, trazendo-lhe sempre tudo o quanto há de bom e melhor , com votos de muita saúde, paz, amor e felicidades em tudo o que estiver presente.
PARABÉNS !!!!!! em nome de toda a equipe da Escola de Reforço da Tia Carminha nesta data especial.




Shopia Hellen do 4 Ano é a AniVeRsariaNTe do DiA!
Parabéns!!!!! Deus esta te presenteando mais uma vez com o realizar da alegria em viver a data em que ele escolheu para que o mundo ficasse mais feliz e colorido com sua presença, te desejamos em nome de toda a Escola de Reforço da Tia Carminha muitos anos felizes, com vida,paz, saúde e muitas felicidades, tudo de bom e melhor sempre.
Abraços!!!!!

‘A necessidade é urgente’, diz presidente do TJRN que tem déficit de 100 juízes

  O presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, desembargador Claudio Santos, confirmou, nesta segunda-feira (30), que a homologação do resultado do concurso para ingresso na magistratura do RN deverá ocorrer nesta quarta-feira (2). A data foi divulgada durante visita de cortesia por uma comissão dos aprovados no certame, cujo edital foi publicado no ano de 2012 e que contou, inicialmente, com 4.462 candidatos inscritos.
A visita aconteceu no gabinete da Presidência do TJRN e contou com a participação dos juízes auxiliares da Corte potiguar, Ticiana Nobre e Seráphico da Nóbrega, que enfatizaram a necessidade e a importância do reforço no quadro de juízes no Estado.
Atualmente, a Justiça Estadual enfrenta um déficit de 100 magistrados e 30 das 65 comarcas no RN se encontram sem um juiz titular. O concurso para ingresso na magistratura do RN ofereceu 40 vagas para o cargo de juiz de Direito substituto.
“A necessidade é urgente. Para se ter uma ideia, aqui [no TJRN], nas Câmaras Cíveis, por exemplo, temos uma demanda mensal que chega a uma média de 800 processos por mês”, apontou o presidente Claudio Santos.
Os membros da comissão de aprovados se mostraram satisfeitos com a confirmação da homologação para a próxima quarta-feira e início das nomeações a partir de janeiro. “Os desafios são muitos, não dá para eleger um ponto central”, comenta Ana Paula Nunes, que integrou a comissão ao lado dos candidatos aprovados Pablo de Oliveira Santos e Ronald Medeiros.


Policias Militar e civil retiram mais uma arma de circulação em Pau dos Ferros
20151202025448
Uma ação conjunta de policiais militares e civis apreenderam um revólver, marca taurus, de calibre 38 com capacidade para seis munições, em poder do jovem Walison Vagner da Silva, 20 anos, residente a Rua Dom Helder Câmara, no Conjunto Manoel Deodato, em Pau dos Ferros. O fato ocorreu por volta das 17h30 desta terça-feira (01).
De acordo com informações, o Dr. Inácio Rodrigues tomou conhecimento de que pessoas estavam armadas em uma residência onde funciona uma suposta boca de fumo; diante dos fatos, o Delegado Regional solicitou o apoio da PM e juntos com sua equipe cercaram o local e durante o cerco realizaram a apreensão da arma de fogo.
Walison que já responde por tráfico de droga, ainda tentou se livrar da arma, sendo dado voz de prisão ao mesmo, onde foi conduzido a 4ª DRPC juntamente com um adolescente de 15 anos, para realização dos procedimentos cabíveis.
*Nosso Paraná


Presidentes de tribunais apontam “grave retrocesso” no voto de papel
A previsão de bloqueio orçamentário feita pelo governo federal colocou em xeque o uso de urnas eletrônicas nas eleições municipais do ano que vem. Em portaria conjunta publicada ontem, os presidentes dos tribunais superiores do país alertam que o corte implicará na falta de verbas para aquisição dos aparelhos. As urnas passaram a ser usadas no Brasil em 1996. Três ex-presidentes do TSE ouvidos pelo Correio Braziliense classificaram como um “grave retrocesso” a possível inviabilização do voto eletrônico.
O governo publicou ontem o decreto com a previsão do contingenciamento, com corte de R$ 1,74 bilhão no Orçamento do Poder Judiciário. Na última semana, o presidente do TSE, Dias Toffoli, procurou o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, para demonstrar a preocupação. Ontem, a portaria assinada por ambos e pelos comandantes de outros tribunais superiores afirma que o bloqueio imposto ao Judiciário, inclusive à Justiça Eleitoral, “inviabilizará as eleições de 2016 por meio eletrônico”.


Economia acumula queda de 3,2% no ano, a maior desde 1996

  

O Produto Interno Bruto (PIB) – soma de todos os bens e serviços produzidos no país – teve queda de 3,2% nos três primeiros trimestres do ano, na comparação com o período de janeiro a setembro do ano passado. É a maior queda para o período desde o início da série histórica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), iniciada em 1996.
Os dados divulgados hoje (1º) indicam que, no ano, a maior queda foi registrada em investimentos (-12,7%), seguidos pela indústria (-5,6%) e serviços (-2,1%). O único setor avaliado que registrou crescimento no período foi a agropecuária, com 2,1%.
No quesito investimentos, houve queda de 0,3% no consumo das famílias caindo 3% e de 0,4% no consumo do governo. No setor externo, as importações de bens e serviços recuararm 12,4%, segundo o IBGE,  reflexo da valorização do dólar em relação ao real. Já as exportações de bens e serviços cresceram 4%.
Para a gerente de Contas Trimestrais do IBGE, Cláudia Dionísio, uma conjunção de fatores vem afetando o desempenho da economia brasileira, que fechou o terceiro trimestre do ano com taxa negativa de 1,7% em comparação ao trimestre anterior.
“De uma forma geral, a gente tem uma deterioração do quadro de emprego e renda, a alta das taxas de juros – o que dificulta o acesso ao crédito e afeta diretamente o consumo e os investimentos -, taxas de câmbios mais desvalorizadas, inflação mais alta e operações de crédito em termos reais em queda, o que, de uma forma geral, contribuíram para este cenário”.
Com a retração de 1,7% do segundo para o terceiro trimestre do ano, o PIB alcançou R$ 1,481 trilhão.
A taxa de investimento no terceiro trimestre de 2015 foi de 18,1% do PIB, menor na comparação com a do mesmo período de 2014 (20,2%). A taxa de poupança foi de 15% no terceiro trimestre de 2015 (ante 17,2% em 2014).
Queda nos setores
Na comparação do terceiro trimestre deste ano com o segundo trimestre, a indústria teve queda de 1,3%, a agropecuária 2,4% e os serviços. 1%.
Na indústria, a queda foi puxada pela retração no setor de transformação ( -3,1%). Construção civil (-0,5%) e extração mineral (-0,2%) também registraram resultado negativo no terceiro trimestre do ano. Já os setores de energia, gás, água, esgoto e limpeza urbana apresentaram crescimento de 1,1%.
“Pela ótica da despesa, a Formação Bruta de Capital Fixo [investimentos] teve o nono trimestre consecutivo de queda nessa comparação: -4,0%. A Despesa de Consumo das Famílias (-1,5%) caiu pelo terceiro trimestre seguido. Já a Despesa de Consumo do Governo cresceu 0,3% em relação ao trimestre anterior. No setor externo, as Exportações de Bens e Serviços tiveram queda de 1,8%, enquanto que as Importações de Bens e Serviços recuaram 6,9% em relação ao segundo trimestre de 2015”, diz nota do IBGE.

Envelhecimento da população deve aumentar gastos da saúde em 37%, segundo Fiocruz
O envelhecimento da população vai aumentar os gastos do setor de saúde em 37 por cento. O alerta é do coordenador do Portal Saúde Amanhã, da Fundação Oswaldo Cruz, a Fiocruz, José Noronha. O pesquisador participou do Fórum Internacional de Sistemas de Saúde Comparados, na Comissão de Seguridade Social da Câmara (nesta terça-feira, 1º/11), que discutiu, sobretudo, o financiamento do setor.
A previsão da Fiocruz é de que, em 2030, o Brasil seja um país majoritariamente de idosos, com mais de 40 milhões de pessoas com idade superior a 60 anos. Conforme José Noronha, haverá portanto mais pessoas a serem cuidadas pelo Sistema Único de Saúde. Para dar conta desse aumento de gastos, ele defendeu que 10 por cento da receita corrente bruta brasileira seja destinada à saúde. Além disso, segundo ele, “o Brasil precisa crescer” para enfrentar esse desafio.






Material escolar deverá ficar 10% mais caro em média, prevê associação
   O material escolar deve ficar, em média, 10% mais caro em 2016, segundo previsão da Associação Brasileira dos Fabricantes e Importadores de Artigos Escolares (Abfiae). A associação prevê que produtos fabricados no país, como caneta, borracha e massa escolar, podem ter aumento de até 12% e que os produtos importados, como mochilas, lancheiras e estojos, subirão de 20% a 30%.
Segundo a Abfiae, nos últimos 12 meses os itens de material escolar subiram, em média, 10% e a expectativa é que esse percentual se mantenha no ano que vem. A desvalorização do real, o aumento dos insumos e da mão de obra contribuem para o aumento. “O aumento será maior do que o dos anos anteriores, que tem ficado ligeiramente abaixo da inflação. Este ano será acima por causa da desvalorização do câmbio, que tem impacto em toda a cadeia produtiva”, diz o presidente da associação, Rubens Passos.



Congresso derruba veto presidencial sobre aposentadoria aos 75 anos

   

   O Congresso Nacional derrubou há pouco, em votação nominal, o veto presidencial ao projeto de lei complementar que regulamenta a aposentadoria compulsória aos 75 anos de idade, com proventos proporcionais para todos os servidores públicos da União. Apresentado pelo senador José Serra (PSDB-SP), o projeto regulamenta a chamada PEC da bengala, aprovada pelo Congresso, que permitiu a aposentadoria para ministros de tribunais superiores e do Tribunal de Contas da União aos 75 anos.
Como o projeto teve origem no Senado, a votação do veto começou pelos senadores. Foram 64 votos pela derrubada e 2 pela sua manutenção. Na votação na Câmara, foram 350 votos contra 15. O veto da presidenta Dilma Rousseff foi para todo o projeto. Com a derrubada do veto total, a decisão será comunicada ao governo e o projeto será promulgado.


Rio Grande do Norte é o pior estado para quem quer empreender, diz Flávio Rocha
Flávio Rocha - Presidente da Riachuelo e vice-presidente da Guararapes
   Com duras críticas ao excesso de burocracia, carga tributária e trabalhista, o presidente da Riachuelo e vice-presidente do grupo Guararapes, Flávio Rocha, afirma que o Rio Grande do Norte é o pior estado para quem quer empreender. A revisão das metas do Pró-Sertão, programa de facções de costura no interior do Estado, é um dos exemplos apontados pelo empresário. A meta de criar 300 facções para atender a demanda de produção com a ampliação da rede de lojas da Riachuelo foi revista e, segundo Rocha, para 2016 serão 70 facções e “a tendência é estacionar”.
“A hostilidade do ambiente de negócios no Rio Grande do Norte parece ter incorporado ainda mais uma cultura-modelo de dificultar o empreendedorismo do que no restante do país que já é bastante difícil”, afirmou o empresário.  Apesar da redefinição de metas e redução de abertura de novas lojas, o grupo deverá fechar o ano com recorde em investimentos com R$ 450 milhões e crescimento de 9%. E se prepara para enfrentar o fim da “década do varejo” e um 2016 de dificuldades. O empresário participou ontem, em Natal, da 17ª Convenção do Comércio e Serviços do RN, no Teatro Riachuelo.
Quais as perspectiva do setor para  fechar o ano de 2015 e o que esperar de 2016?
Este é um ano bastante difícil,  depois de viver o que foi a década do varejo, com crescimento 3 vezes mais que o PIB, onde as redes cresceram 1.000%, houve o enraizamento do varejo de alta produtividade no Brasil. Havia um gargalo já que antes a clandestinidade existente retardou o crescimento do setor que é a locomotiva, o propulsor de uma cadeia de suprimento moderno. A grande transformação que se deu na economia foi empurrada pela produção para uma cadeia de demanda liderada por uma varejo altamente equipado, empresarial. A indústria de shopping centers também teve um boom. Já este ano, estamos vendo o arrefecimento desse processo devido os erros econômicos cometidos pelo Governo federal nos últimos anos, ou seja, a conta chegou. A formalização do varejo trouxe a formalização da economia brasileira que cresceu 18% nesta década, mas traz um mal que é colocar muito na mão do  Governo. Mais setores se formalizaram o que representa mais arrecadação para o Estado. E o Estado tem crescido 1% do PIB ao ano e atingiu proporção além do que a sociedade pode suportar.
O que é necessário? mais medidas de ajuste fiscal?
Ajuste fiscal é uma palavra muito amena. Precisamos de uma cirurgia no Estado enquanto instituição, um novo modelo de política econômica homologado pelos 60 milhões de brasileiros, para que o país volte a ter um Estado que faça sentido para a sociedade. Projetar um estado com crescimento de PIB. Temos um Estado que ano passado extraiu 37% do esforço de produção brasileiro para se financiar e gastou mais 8% de déficit público, um estado de mais de 40% do PIB, o que é insustentável. Ou a gente redireciona o propósito, que é do Estado servir a sociedade e não o inverso, ou vamos ter que sustentar esse Estado mastodôntico e corrupto. Acredito que fecharemos o ano em queda. E acho que só se destrava a economia numa próxima eleição.

Em relação a investimentos, a Riachuelo redefiniu a abertura de lojas?
Estamos crescendo fisicamente. Este ano, vamos abrir 28 lojas em todo o país, diferente das 45 que abrimos no ano passado quando expandimos 20% da área, praticamente um Midway de Riachuelos em área de lojas. Estamos crescendo esse ano, mas movidos pela expansão física. Até o terceiro trimestre crescemos 9%, mas as margens estão mais apertadas. Ainda assim estamos batendo recorde em investimentos com cerca de R$ 450 milhões. Investimentos em logística, nosso maior investimento é o Centro de Distribuição em Guarulhos, que será inaugurado agora em 2016, com mais de R$ 200 milhões, com capacidade para 215 milhões de peças.
O que está previsto em investimentos para 2016, em aberturas de lojas?
Para 2016, vamos ficar atentos ao que vai acontecer, é fundamental proteger o caixa.  Não é que estamos pondo o pé no freio, mas há um arrefecimento do crescimento da indústria dos shoppings centers, 90% das nossas inaugurações são em shoppings, e com isso acaba tendo uma desaceleração na abertura de novas lojas. Será uma ano de redefinição de investimentos.
Quais os resultados das operações da fábrica no Paraguai? Tem conseguido reduzir os custos, posto que o atrativo seria a menor carga tributária e trabalhista?
Aqui, no Brasil, a indústria, o empresário enfrentam imensas dificuldades para produzir e gerar emprego. Lá é o contrário, se trata de forma sublime a figura do gerador de empregos. Estamos gerando 300 empregos na fábrica e já anunciamos a intenção de dobrar esse número e pretendemos nos tornar o maior gerador de empregos daquele país nos próximos anos. Gostaria que fosse aqui, mas é inviável.
Inclusive na abertura do Convenção, o governador Robinson Faria chegou a pedir a transferência da sede nacional do grupo aqui para o Estado, na tentativa de implantar a “Galícia potiguar”. O Grupo cogita ter a sede aqui, atender o pedido?
A Galícia (Espanha), em 2010, atravessou a crise com a economia pujante e eu sonhei fazer isso no Rio Grande do Norte. Mas aqui é ainda mais difícil do que no restante do país.
Por que?
Devido a hostilidade do ambiente de negócios no Rio Grande do Norte, que parece ter incorporado ainda mais uma cultura-modelo de dificultar o empreendedorismo do que no restante do país que já é bastante difícil. É na área ambiental, tributária, trabalhista. O Brasil já perde para países como a Venezuela, a Colombia como pior ambiente de negócios. E no Brasil, estamos em 26 estados e no Distrito Federal, e para a minha infelicidade enquanto potiguar é aqui que encontramos o pior ambiente de todos. É como li outro dia um artigo de Sílvio [Bezerra] que diz “deixe-nos trabalhar”.
O Pró-sertão teve as metas redefinidas para este ano e…
Isso. Nós tínhamos um projeto de estar agora com mais de 300 oficinas. Um projeto genial de largo alcance social, que tem resgatado a atividade econômica em municípios que estavam estagnados, que viviam de projetos sociais, de salários de prefeitura.  Mas que em vez de receber apoio para crescer, a colaboração das autoridades, o que se vê é um comboio, uma perseguição, um assédio. Diferente do sentimento de gratidão paraguaio, aqui somos tratados como bandidos. Infelizmente, em 2016, teremos que reduzir para 70 facções e a tendência é estacionar. Vamos duplicar a empresa em cinco anos, o que representa 20 mil empregos no varejo. Para cada emprego no varejo gera-se 5 no fornecedor. O Rio Grande do Norte teria condições de atrair um bom pedaço disso. A única coisa que traz conquistas para o trabalhador é prosperidade, e o que joga é estagnação pela perseguição, pelo assédio, pela burocracia, esse excesso normativo. É muito difícil chegar a meta de 300 facções porque são muitos os empecilhos de todas as ordens burocráticas, trabalhistas, de leis ambientais. Isso faz com que precisemos reorganizar. Nossas importações da China passaram de 5 para 35% nos últimos anos, são empregos que deixam de ser gerados aqui e vão para China, para Santa Catarina, para o Ceará, para o Paraguai.
Qual o peso da reoneração da folha de pagamento do setor nesse balanço negativo, de queda de crescimento?
É um tiro no pé. O economista de 50 anos atrás já ensinava, que uma curva de arrecadação é ascendente até determinado ponto da taxa de saturação. A partir daí aumentos nominais e alíquotas só levam a queda de arrecadação, porque volta a clandestinidade. Todos os impostos trazem queda de arrecadação. Não adianta aumentar imposto. A única coisa que se consegue com isso é perder uma grande conquista que é a formalização do setor.
Como a paralisação  do gás subsidiado à industria pelo RN Gás+, antigo Progás, tem afetado as operações do grupo aqui no Estado?
Acho que é algo momentâneo e deve ser resolvido em breve. O pior é esse problema do excesso de normas.
Em relação ao novo Proadi, as alterações aprovadas contemplam as necessidades da indústria?
Sim, o programa não gera dificuldades, contempla os incentivos buscados.


03 de Dezembro Dia Internacional dos Portadores de Alergia Crônica.
O Dia Internacional dos Portadores de Alergia Crônica - Evento criado pelo órgão colegiado da Organização Mundial da Saúde.
A Alergia é uma resposta exagerada do sistema imunológico a uma substância estranha ao organismo, uma hipersensibilidade imunológica a um estímulo externo específico. Os portadores de alergias são chamados de “atópicos” ou mais popularmente de “alérgicos”.
O organismo, tecido ou célula capaz de apresentar uma reacção de hipersensibilidade diz-se estar sensibilizado. As reacções alérgicas, sendo reacções imunológicas, são extremamente específicas, reagindo o organismo sensibilizado exclusivamente ao determinante antigénico usado como imunogénio ou estrutura semelhante. As reacções de hipersensibilidade foram bem cedo separadas em dois tipos diferentes, de acordo com o tempo decorrido entre o contacto do organismo sensibilizado com o antígenio e a visualização macroscópica do fenómeno alérgico. Assim, enquanto as chamadas reacções de hipersensibilidade imediata exigem apenas minutos ou algumas horas para seu aparecimento, as reacções de hipersensibilidade tardia só se desenvolvem depois de muitas horas.
Sintomatologia
O alérgico pode apresentar um ou vários dos sinais abaixo:
- Espirros em salva (vários espirros seguidos)
- Nariz obstruído, com respiração pela boca.
- Coriza (secreção nasal aquosa e fluida)
- Tosse repetitiva
- Prurido (comichão) nos olhos, nariz, garganta e em qualquer parte do corpo.
- Lacrimejo dos olhos
- Erupções cutâneas
- Urticárias
- Edema (inchaço) nos lábios ou nas pálpebras (angioedema)
- Conjuntivite, faringite, sinusite e otite alérgicas.
- Marcas nas pálpebras
- Dispneia (falta de ar)
Tratamento
O tratamento pode ser dividido entre a fase aguda (quando o paciente apresenta exacerbação dos sintomas) e fase crónica:
Fase aguda
O tratamento da fase aguda é feito com antihistaminicos e corticóides por via endovenosa ou intramuscular. Nos casos de alergias respiratórias pode ser necessário nebulização com beta-adrenérgicos. Medicamentos sintomáticos são prescritos conforme a necessidade de cada pessoa. É necessário também afastar a pessoa do agente que está causando a alergia.
Fase crónica
O tratamento na fase crónica, ou após o termino da fase aguda, é a desensibilização. A desensibilização é uma forma de imunoterapia onde o paciente recebe doses inicialmente mínimas que gradualmente vão aumentando, com doses progressivas do produto alergénico em questão.
Esta técnica pode diminuir a sensibilidade ou até mesmo eliminar a hipersensibilidade. Isto acontece porque o estímulo acarreta um contínuo aumento na produção de imunoglobulina G, que substitui a imunoglobulina E, responsável pela resposta aguda e pela resposta alérgica.
A imunoglobulina é uma proteína que exerce importante papel no corpo humano. É ela que vai dar início a um complexo sistema de defesa contra infecções e ataques de vírus e bactérias. A imunoglobulina tem função de mensageira. Libertada na circulação sanguínea, ela percorre o organismo e ao deparar-se com o agente agressor para o qual foi especificamente feita, fixa-se nele e promove a libertação de histamina, que é a responsável pelos sintomas.
Fonte:blogsdodia







Blogueiro faz análise sobre campanha em Pau dos Ferros, mas a realidade é diferente
O Blogueiro Robson Pires destacou em seu espaço uma nota sobre a eleição em Pau dos Ferros, acompanhe:
“A disputa para prefeito de Pau dos Ferros nas eleições municipais do próximo ano promete ser acirrada. Será entre o “criador” e a “criatura”. Foi o ex-prefeito e pré-candidato, Leonardo Rêgo, que botou o atual prefeito e candidato a reeleição, Fabrício Torquato, na prefeitura. Leonardo quer a prefeitura de volta. Torquato mandou ele se danar.”
Blog do JP:  Quem acompanha a política por aqui, sabe que a realidade não é bem essa. Só em conversa com populares, fica fácil saber que o ex-prefeito, apesar dos supostos escândalos que são atribuídos a ele, se a eleição fosse HOJE, (01/12/2015) Leonardo Rego (DEM) seria o favorito para vencer.
Porém, como todos sabemos, política é muito instável e, qualquer fato novo, pode mudar este quadro. Prova disto, é que Leonardo Rego já esteve em melhores condições. Estar com a “caneta na mão”, gera desgastes, ficar sem ela, também.
Fala-se do resultado da eleição para governo do Estado. Sem adentrar muito no assunto, sou do pensamento que eleição estadual é bem diferente da municipal, principalmente quando se trata de Pau dos Ferros. Diversos fatores estavam envolvidos naquela disputa, que não estarão presentes em 2016.
Por atravessar um momento de extrema adversidade, como seca, governo federal quase falido e um Governo do Estado fraco, Fabrício Torquato (PSD) vive um tempo de “vacas magras”, bem diferente do período da gestão Leonardo, que viveu o tempo de abundância, especialmente, do Governo Federal. Estes fatores positivos o fizeram um gestor de grande realizações.
Mas, volto a afirmar, no nosso entendimento, a situação pode mudar, pois todos sabem da dinâmica da política. Caso nada mude, Leonardo deve ser prefeito em 2017.
Um desses fatos é o apoio de Nilton Figueiredo a Fabrício. Diante dos holofotes, Nilton e Fabrício estão juntos, mas, na política, apenas falar não é suficiente. Vamos esperar pelo empenho de Nilton, caso ele consiga transferir seus votos, será uma grande ajuda para Fabrício.
Nada de sapato alto, afinal, o filho de Getúlio vai enfrentar uma campanha sem apoio de nenhuma das esferas do Poder que, todos sabemos, conta muito. Este fato pode e vai influenciar nos números finais.
Só uma coisa é certa, esta promete ser umas das disputas mais intensas, para não dizer, “sujas” nas redes sociais e nas calçadas da fama da Princesinha do Alto Oeste. Mesmo ainda longe, as “disputas” já começaram e já deu pra sentir o nível da disputa fora dos palanques.
Voltaremos ao assunto, visto que muitos outros fatores estão em jogo e devem ser observados e detalhados. Vale lembrar, que esta é uma análise do Blog do JP do cenário ATUAL, não é uma previsão de futuro, então, o quadro deve e vai mudar assim como tenho certeza que haverá quem discorde, esse é o lado bom da democracia.
FONTE: BLOG DO JOÃOP 


03 de Dezembro - Dia Internacional do Deficiente Físico
No ano de 1982, a Assembleia Geral da ONU – Organização das Nações Unidas, criou um programa que visa atender as necessidades das pessoas com qualquer tipo de deficiência física, o Programa de Ação Mundial para Pessoas com Deficiência.
Dez anos depois, no dia 14 de outubro, a Assembleia instituiu o dia 03 de dezembro como o dia internacional do deficiente físico, para que pudessem conscientizar, comprometer e fazer com que programas de ação conseguissem modificar as circunstâncias de vida dos deficientes em todo o mundo.
Podemos considerar como deficiência física, quando alguma parte do organismo humano não apresenta um funcionamento perfeito, porém isso não pode ser considerado como diferença, pois existem várias pessoas com os mesmos tipos de limitações que as tornam normais dentro de suas possibilidades.
Com o passar dos anos, a deficiência passou a ser vista como uma necessidade especial, pois as pessoas precisam de tratamentos diferenciados e especiais para viver com dignidade. Sabemos que isso não acontece, pois o mundo não é adaptado para essas pessoas, que sofrem muito em seu dia a dia.
Construir rampinhas nas ruas é uma forma de mascarar o verdadeiro tratamento que os mesmos deveriam receber. Além destas, em nosso meio social deveria existir leitura em braile para atender os deficientes visuais; acesso aos ônibus e lugares públicos aos cadeirantes; que a população aprendesse a conversar na linguagem de libras, para atender os surdos/mudos; além de planos governamentais voltados para a saúde e reabilitação dessas pessoas, visando amenizar suas dificuldades bem como capacitá-las para a vida social, para o exercício da cidadania.
As escolas deveriam ter profissionais preparados para lidar com as limitações, assumindo maior compromisso com a formação dos professores, coordenadores e diretores, que muitas vezes não sabem como lidar com as necessidades especiais. É dever da escola promover conhecimento a fim de garantir o aprendizado de uma profissão, dando-lhes garantia e dignidade para o futuro.
Não adianta afirmar que a sociedade não está preparada. Passou da hora de arregaçarmos as mangas e tratar os portadores de necessidades especiais como pessoas normais, pois são normais embora tenham algumas limitações. Todas as pessoas são diferentes, assim como a cor dos olhos, dos cabelos, a raça, enfim, existem aquelas que apresentam as diferenças físicas, mas que são pessoas como outra qualquer.
Tratá-las com indiferença ou com desrespeito são formas de preconceito, previsto na Constituição do Brasil, assim como é direito desses estar incluídos na sociedade, pois são produtivos e capazes.
Podemos nos certificar das capacidades dos portadores de necessidades especiais nos jogos paraolímpicos, onde os mesmos atingem recordes e conquistam várias medalhas. Participam de várias modalidades esportivas, como atletismo, futebol, natação, basquete, dentre outras.
A sociedade já mudou muito nos últimos anos em relação às necessidades especiais, mas ainda temos muito que melhorar. Hoje em dia podemos ver essas pessoas trabalhando em empresas, como supermercados, lanchonetes, restaurantes, farmácias, escolas, pois a lei obriga que um percentual dos funcionários sejam portadores de necessidades especiais, como forma de garantir-lhes oportunidades no mercado de trabalho.
Dessa forma têm assegurado a integração social além de conviverem com valores de igualdade de oportunidades. Mas será que isso realmente acontece? Pensem nisso!
Fonte: Brasil escola