SIGA ➨Fábio Júnior Venceslau

SIGA ➨Fábio Júnior Venceslau
✍ O objetivo deste é oferecer ao público leitor: informação com veracidade, interpretação competente e pluralidade de opiniões sobre os fatos. Tratando-se de um canal interativo visando promover uma comunicação capaz de contribuir positivamente na vida dos seus seguidores, primando pela imparcialidade e coerência. ☛ Blog Informativo: Estado do Rio Grande do Norte - Brasil

Esse é o seu Blog

Esse é o seu Blog
Todo Dia tem Notícias

Seja mais um dos nossos seguidores do Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

Blog Siga Fábio Júnior Venceslau
Blog Siga Fábio Júnior Venceslau

COBERTURAS E EVENTOS

CONFIRA AS PROMOÇÕES DO MERCADINHO SÃO JOSÉ EM ANTÔNIO MARTINS RN

CONFIRA AS PROMOÇÕES DO MERCADINHO SÃO JOSÉ EM ANTÔNIO MARTINS RN
CONFIRA AS PROMOÇÕES DO MERCADINHO SÃO JOSÉ EM ANTÔNIO MARTINS RN

FAÇA A SUA PARTE

FAÇA A SUA PARTE
ANUNCIE AQUI NO NOSSO BLOG E VEJA A DIFERENÇA

CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN

CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN
CLIQUE NA IMAGEM E ACESSE O SITE DA FEMURN

SEJA TAMBÉM NOSSO ANUNCIANTE

SEJA TAMBÉM NOSSO ANUNCIANTE
BLOG TODO MUNDO OLHA, TODO DIA TODO MUNDO VER.

E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com

E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com
E-mail fabiojrvenceslau@gmail. com

Clique na Imagem e visite o Site

Clique na Imagem e visite o Site
Clique na Imagem e visite o Site

.

.
.

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Siga Fábio Júnior Venceslau


Comissão do Senado aprova criação de identidade única no país
A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou projeto que institui a Identificação Civil Nacional (ICN). O objetivo é reunir em um único documento todas as identificações, incluindo a Carteira de Identidade (RG), o Título de Eleitor e o Cadastro da Pessoa Física (CPF). P
Para o relator do projeto, senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), a identidade nacional vai evitar fraudes, diminuir a criminalidade e ampliar a confiabilidade dos dados, graças à biometria.







Resultado de imagem para me conte boas noticias








Vacina que cura diabetes de forma definitiva será testada em humanos

A Food And Drugs Administration (FDA), órgão do governo dos Estados Unidos responsável pelo controle de alimentos, suplementos alimentares, medicamentos e outras substâncias, anunciou que foi aprovado um teste para a vacina para controlar definitivamente a diabetes.
A vacina, chamada “Bacilo Calmette-Guérin” (BCG) será testada em 150 adultos com estágio avançado da doença. A notícia foi divulgada pela Dr.ª Denise Faustman, na 75ª Sessão Científica da Associação Americana de Diabetes.
Denise é pesquisadora do Laboratório de Imunologia do Hospital Geral de Massachusetts, em Boston, nos Estados Unidos. Segundo ela a vacina aumenta temporariamente os níveis de necrose tumoral no organismo no paciente, sendo que essa substância é responsável por eliminar as células T, que são as células causadoras de diabetes tipo 1.
Nesse teste oficial, a médica vai incluir pacientes com idade entre 18 e 60 anos em um estudo que deve durar cerca de cinco anos. Durante os testes, os pacientes vão receber duas injeções de BCG com quatro semanas de intervalo, em seguida, receberão a mesma vacina anualmente pelos próximos quatro anos.
Se tudo correr bem nesses testes, um estudo posterior maior e com mais pacientes será realizado para garantir a eficácia e segurança do medicamento.
Jornal Ciência via Time










Resultado de imagem para promoçao gifs


As Promoções do Mercadinho São José estão IMPERDÍVEIS.
#VENHAAAAAAAAAAAAA
Venha correndo, pegue o seu carrinho de compras e aproveite as grandes ofertas com muito mais economia.
É um Show de Preços Baixos no Mercadinho São José em Antônio Martins RN.

* Tudo mais Barato
* Entrega em domicílio
* Variedades
* Novidades
* Promoção a cada 15 dias
* Qualidade
* Melhor Atendimento e muito mais.
Mercadinho São José na Avenida Venceslau José de Souza , Bairro Alto da Ema, Antônio Martins RN.
Organização: Dito & Euraxsandra Florêncio de Mesquita













RN pode ganhar mais uma vaga para deputado federal
O estado do Rio de Janeiro pode perder três vagas de deputado federal a partir da eleição de 2018. Relatório do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG) aprovado nesta quarta-feira pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado altera o tamanho das bancadas na Câmara dos Deputados em função da atualização da população de cada estado feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2015. O projeto é do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), e seu estado, o Pará, é o que mais aumentará sua representação passando de 17 para 21. O total de deputados, 513 , continua inalterado.
Outros estados que vão ter maior número de representantes serão Minas Gerais, que pula de de 53 para 55; e Amazonas, de 8 para 10. Além do Rio de Janeiro, que cai de dos atuais 46 para 43, também perdem representantes o Rio Grande do Sul, de 31 para 29; Paraíba, de 12 para 10, e Piauí , de 10 para 8.
— Na prática estamos cumprindo a Constituição, que prevê essa revisão da proporcionalidade sempre a um ano das eleições, pelo tamanho da população de cada estado. Essa proporcionalidade não é revista desde 1985 e de lá para cá houve mudanças significativas no número de habitantes de cada ente federativo registradas pelos censos do IBGE. Pela Constituição nenhum estado pode ter menos de oito nem mais de 70 deputados federais — explicou Flexa Ribeiro.
Em seu parecer o senador Antonio Anastasia argumentou que manter a desproporcionalidade na representação dos estados significa conceder maior valor ao voto de brasileiros residentes em alguns estados e menor valor ao voto de outros brasileiros, residentes em outras unidades da federação.
— A omissão do Congresso Nacional nessa matéria atenta contra os direitos e garantias individuais, consagrados como cláusula pétrea da Constituição, que determina que a soberania popular será exercida por sufrágio universal e pelo voto direto e secreto, com valor igual para todos — justificou Anastasia.
A matéria segue para votação no plenário do Senado.
PROPOSTA DE NOVA DISTRIBUIÇÃO:
GANHAM
Pará – Ganha quatro cadeiras
Minas Gerais e Amazonas – Ganham duas cadeiras cada um
Bahia, Ceará, Santa Catarina e Rio Grande do Norte – Ganham uma cadeira cada um
PERDEM
Rio de Janeiro – Perde três cadeiras
Rio Grande do Sul, Paraíba e Piauí – Perdem duas cadeiras cada um
Paraná, Pernambuco e Alagoas – Perdem uma cadeira cada um
NÃO PERDE NEM GANHA
São Paulo, Maranhão, Goiás, Espírito Santo, Mato Grosso, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Sergipe, Rondônia, Tocantins, Acre, Amapá e Roraima.
Extra – O Globo/Agência Senado)









EM PAU DOS FERROS RNTudo que você procura em um único lugar. Você Sonha, a Gente Realiza








.










IBGE lança processo seletivo com 314 vagas para nível médio e superior no RN
Em 1º de outubro de 2017, o IBGE vai iniciar as operações do seu 10º Censo Agropecuário. Ao longo de cinco meses, os recenseadores irão visitar mais de 5 milhões de estabelecimentos agropecuários em todo o país, levantando informações sobre a área, a produção, as características do pessoal ocupado, o emprego de irrigação, o uso de agrotóxicos, entre outros temas. O importante papel da agricultura familiar na produção agropecuária do país será investigado mais uma vez. para tanto, o IBGE irá contratar recenseadores temporários em todo o Brasil e a expectativa é que sejam 314 vagas para o Rio Grande do Norte
Os resultados do Censo Agro 2017 devem começar a ser divulgados pelo IBGE em meados de 2018. O orçamento do Censo Agropecuário de 2017 sofreu um corte de mais de 50%. Diante desta contingência, o corpo técnico do IBGE foi compelido a fazer adaptações como, por exemplo, a redução do número de contratados temporários para essa operação: inicialmente previsto para 82 mil pessoas, esse contingente foi reduzido para 26 mil. Já a coleta do Censo Agropecuário, prevista para cerca de 90 dias, foi ampliada para cinco meses. A redução do orçamento tornou necessária uma simplificação do questionário inicialmente concebido. O objetivo foi dar mais agilidade à coleta de dados, permitindo que, em média, três estabelecimentos agropecuários sejam visitados pelos recenseadores, a cada dia.
Essa simplificação foi levada ao conhecimento da sociedade, dando origem a novas demandas, que foram incorporadas ao questionário. Agropecuária do país também será investigada por pesquisa amostral O Censo Agropecuário 2017 vai subsidiar a implantação do cadastro de estabelecimentos agropecuários e do Sistema Nacional de Pesquisas Agropecuárias. Isso permitirá a criação da Pesquisa Nacional por Amostra de Estabelecimentos Agropecuários, que irá a campo, anualmente, captar dados pormenorizados sobre receitas e despesas na produção, crédito e seguro rural, proteção de mananciais, conservação da fauna e flora, uso de agrotóxicos, técnicas de produção, além da situação social e familiar dos trabalhadores do campo, entre outros temas. Censo Agro 2017 terá dois processos seletivos com 26.010 vagas temporárias
Em abril, começam as inscrições dos dois processos seletivos simplificados para os temporários que atuarão no Censo Agropecuário 2017. Serão abertas 26.010 vagas, das quais 171 serão para profissionais de nível superior em 18 diferentes áreas de conhecimento. As vagas restantes serão para nível médio. Ao todo, serão abertas vagas em pouco mais de 4 mil municípios do país.












CLIQUE AQUI NA FOTO PARA VER VÍDEOJ J PORTÕES EM ANTÔNIO MARTINS RN











BNB fecha trimestre com mais de R$ 310 milhões contratados no RN
A Superintendência do Banco do Nordeste no Rio Grande do Norte divulgou os primeiros números de 2017, referentes às contratações efetuadas de janeiro a março no Estado. Os resultados obtidos apontam acréscimo de 2,1% na concessão de empréstimos nas 21 agências potiguares. O volume de recursos liberados é de R$ 310,6 milhões, ante R$ 304,2 milhões contratados no mesmo período do ano passado.
O Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), operacionalizado exclusivamente pela Instituição, fechou o primeiro trimestre do ano com R$ 170,1 milhões aplicados. A fonte de recursos abrange as principais linhas de crédito do Banco e foi a que apresentou o maior crescimento em relação ao primeiro trimestre de 2016: 14,8%.
O balanço revela o bom desempenho do Crediamigo. O programa de microcrédito urbano liberou mais de R$ 100 milhões este ano. São quase 48 mil operações, de até  R$ 15 mil, registradas em todos os 167 municípios norte-rio-grandenses. O crédito pulverizado, com um valor médio por cliente de R$ 1,9 mil, é uma das características do Crediamigo.
Por setor, o Comércio continua sendo o que mais contrata no estado. Foram quase R$ 92 milhões em três meses. Pecuária (R$ 38,8 milhões), Serviços (R$ 33,8 milhões) e Indústria (R$ 31,4 milhões) vêm em seguida. Entre os segmentos, destaque para Micro e Pequenas Empresas (MPE), que contrataram R$ 55,2 milhões – 9,3% a mais que em 2016.
A Superintendência do RN ainda conseguiu regularizar R$ 80 milhões em dívidas, resultantes de mais de 2,4 mil operações de crédito, pela Lei 13.340/16, de renegociação de dívidas rurais. O agricultor que quitou ou renegociou sua dívida está de volta ao mercado de crédito.
No ano, somados os recursos do FNE e fontes próprias de financiamento, o Banco do Nordeste tem mais de R$ 1,5 bilhão para aplicar no Rio Grande do Norte.
De acordo com o superintendente estadual Fabrizzio Feitosa, a equipe local está se desdobrando para atingir as metas de contratação. “Nós temos recursos; bons projetos de infraestrutura em andamento, inclusive, na área de energias renováveis, com a previsão de investimentos estrangeiros; e nós temos um grupo capaz e focado em fazer a diferença em prol do RN”, diz.









Marinha, Exército e Aeronáutica programam lançar 13 concursos neste ano
Os concurseiros que desejam ingressar na carreira militar devem programar bem o calendário. Ainda neste ano serão abertos mais 13 concursos públicos divididos entre Marinha, Exército e Aeronáutica, com oportunidades para todos os níveis de escolaridade. Para quem tem mais pressa, atualmente já estão abertas outras quatro seleções, que somam 419 chances na Marinha e Aeronáutica. Confira mais detalhes abaixo:
Em abril sairá o regulamento para capelão naval. Para participar é preciso ter três anos de atividades pastorais, como sacerdote ou pastor, e curso de formação teológica regular de nível universitário, reconhecido pela autoridade eclesiástica da religião. Além disso, tem que ter mais de 30 e menos de 41 anos de idade. O curso acontece no Rio de Janeiro.
Em maio sairá o edital para o quadro complementar de oficiais da Armada e fuzileiros navais (ano passado a seleção contemplou diversas áreas de engenharia) e intendentes (para graduados em economia, administração ou contabilidade). Os candidatos devem ter menos de 29 anos de idade e ter concluído o curso superior correspondente à vaga que disputa. O curso também será realizado no Rio de Janeiro.
Também naquele estado, em julho será aberto edital para o curso de formação de auxiliar de praças, destinado a candidatos com nível médio/técnico. No ano passado, as oportunidades foram para as especialidades de administração, administração hospitalar, contabilidade, desenho e arquitetura, estatística, eletrônica, gráfica, geodésia e cartografia, higiene dental, marcenaria, mecânica, metalurgia, meteorologia, motores, nutrição e dietética, patologia clínica, processamento de dados, química, radiologia médica e telecomunicações.
Além das seleções previstas, a Marinha conta hoje com mais três concursos já abertos. Até 26 de abril segue o período de inscrições do concurso com 29 vagas para técnicos do Corpo Auxiliar. A seleção é dividida em 11 áreas: comunicação social, direito, educação física, informática, estatística, meteorologia, oceonografia, pedagogia, psicologia, serviço social e segurança do tráfego aquaviário (cargo para formados em engenharia naval e/ou ciências náuticas).
Para a área de saúde, a Marinha está com 146 vagas abertas para médico, cirurgião-dentista e apoio à saúde. As inscrições podem ser feitas até 15 de maio.
E quem é formado em engenharia e arquitetura já pode participar do concurso aberto pela Marinha, com 64 vagas. É bom correr porque o período de participação se encerra em 28 de abril.
Exército
Neste mês, o Exército pretende abrir concurso para cadetes, seleção destinada a quem concluiu ou está para concluir o Ensino Médio. A Escola Preparatória fica em Campinas/SP e poderão se candidatar quem tem idade entre 17 e 22 anos. Geralmente são oferecidas 400 vagas para homens e somente 40 para mulheres.
Em maio três editais devem ser abertos para a formação de sargentos das áreas de combate/aviação; combate logística; saúde (técnico em enfermagem) e música. Poderão concorrer candidatos entre 17 e 24 anos. Os cursos básicos e qualificados somam 77 semanas e podem ser ministrados em 10 estados distintos – em 2016, o concurso para sargento do Exército obteve 92 mil inscrições! Foram oferecidas 1.205 chances.
Em junho, o Colégio Militar de Salvador vai lançar edital para o quadro complementar de oficiais e capelães. Pode concorrer quem tem nível superior e até 36 anos. Para ter uma ideia, no ano passado foram abertas chances para as áreas de ciências contábeis, veterinária, direito, enfermagem e informática. Já para capelão é preciso ter o curso de formação teológica de nível superior e ser sacerdote católico ou pastor evangélico.
Também em junho, o Instituto Militar de Engenharia (IME) vai abrir seleção para quem tem nível médio. Lá, no Rio de Janeiro, são ministrados cursos de graduação, pós-graduação e extensão universitária para militares e civis.
E em julho, será a vez da Escola de Saúde do Exército abrir edital. Serão oferecidas oportunidades nas áreas de medicina, odontologia e farmácia. Por exemplo, no último concurso foram 38 áreas para médicos atuarem. A Escola também fica no Rio. Os candidatos devem ter no máximo 36 anos e curso superior.
Aeronáutica
Curso de formação de sargentos, que será ministrado na Escola de Especialistas de Guaratinguetá, em São Paulo. As inscrições serão abertas de 4 de agosto a 2 de setembro. As provas estão marcadas para 12 de novembro. De acordo com a assessoria da Aeronáutica, podem ser abertas, esporadicamente, algumas seleções para oficiais temporários ainda durante este ano.
Atualmente, a Aeronáutica está com as inscrições abertas para o curso preparatório de cadetes do ar. Até o dia 9 de maio, quem completou o nível fundamental de ensino pode concorrer a 180 vagas, sendo 160 para homens e apenas 20 para mulheres. A taxa custa R$ 60. As provas serão aplicadas em 9 de julho.
CorreioWeb









Resultado de imagem para me conte boas noticias







Laticínio do RN inicia exportação para Nova Zelândia
A Tapuio Agropecuária, localizada em Taipu, cidade a 65 quilômetros de Natal, no Rio Grande do Norte, amplia sua participação no mercado externo com o envio da primeira remessa de massa para mozzarella de búfala para a Nova Zelândia.  A massa é um produto pré-fabricado, que foi desenvolvido especialmente para uma indústria produtora de queijos naquele país, que irá finalizá-lo, ou seja, transformá-lo em mozzarella pronta para o consumo.
Na primeira remessa, realizada neste mês de abril, foram enviados 100 quilos do produto congelado, via aérea, partindo do aeroporto de Natal.  “Essa é a primeira exportação de produtos derivados de leite de búfala do Brasil para a Nova Zelândia. Inicialmente, nosso cliente irá testar e, se tudo sair como o planejado, a expectativa é firmar contrato por dois anos com volume significativo de vendas. Estamos muito otimistas em ver nossos produtos ganhando o mundo”, conta Francisco Veloso, diretor executivo da Tapuio Agropecuária.
Único laticínio brasileiro autorizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) a exportar derivados de leite de búfalas, a Tapuio já envia, a cada dois meses, desde o início do ano passado, uma tonelada de mozzarella bola para churrasco para Nova York, nos EUA, onde abastece uma cadeia de restaurantes. No caso dessas exportações, trata-se de um produto pronto, por isso, necessariamente, o envio precisa ocorrer via avião, já que a mozzarella é consumida fresca e precisa chegar ao destino final com agilidade.
No caso das exportações para a Nova Zelândia, por se tratar de envio de massa para mozzarella congelada, o envio mensal poderá ser feito por navio, em containers de 40 pés, diminuindo significativamente os custos. Para se ter uma ideia, o frete via navio é 90% mais econômico que o aéreo.
A ideia de exportar o produto pré-fabricado e congelado para ser finalizado em indústrias parceiras surgiu após a Tapuio receber gratuitamente orientações do consultor alemão Heinz-Günter Seibert, firmada entre a Federação das Indústrias do RN (Fiern) e entidades da Alemanha.
As possibilidades de ampliação da exportação são significativas: a empresa também está negociando exportações para Argentina e Chile.“Acreditamos que, até 2021, cerca de 30% de nossa produção será direcionada ao mercado externo. No Brasil, nossa intenção é expandir a atuação para regiões onde ainda não estamos presentes”, pontua Veloso.
Com faturamento de R$ 22 milhões em 2016, a fazenda da Tapuio tem uma área de quase 500 hectares e contabiliza 1.400 cabeças de búfalos, da raça murrah, originária da Índia. Desses animais, mais de 450 são búfalas em lactação, que produzem cerca de 3.000 litros de leite por dia, que resultam em cerca de 20 toneladas de queijos por mês.










JP Borrachas e Parafusos

VEJA MUITO MAIS 

NAS POSTAGENS MAIS ANTIGAS